Notícia

Buracos permanecem ocupando o calçadão da Praia da Costa

Problema já havia sido notícia na Rádio CBN em junho deste ano. Parte dele foi resolvido pela prefeitura, mas outros buracos ainda geram reclamações na orla de Vila Velha

Em vez de lazer, problemas. Essa vem sendo a situação encontrada e que incomoda quem caminha pelo calçadão da Praia da Costa, em Vila Velha, com buracos em vários trechos do calçadão. Moradores, principalmente os mais idosos, relatam já terem caído e se machucado por causa dos buracos. Os cadeirantes também sofrem muito com o problema.

O aposentado Alberto Tavares, de 66 anos, já denunciou a situação à reportagem da CBN em junho deste ano, no final da Praia da Costa, na Curva da Sereia. Os buracos até foram tapados no local, mas em outros locais o problema permanece, como na saída da Avenida Jair de Andrade. "Está péssimo. Ontem encontrei um amigo que me disse ter levado um tombo terrível aqui. Se machucou muito. Nós idosos, que temos problema de visão devido à idade, sempre temos dificuldades de caminhar, levamos aquele susto. É terrível", ressalta.

No Dia dos Pais, o aposentado José Murilo Velloso, de 69 anos, aproveitou para passear com a neta, recém-nascida, no calçadão. O problema mesmo é conseguir andar por muito tempo com a quantidade de buracos. "É uma situação extremamente desagradável. Nesse exato momento eu estou empurrando um carrinho de bebê. Todo mundo devia fazer isso para ver como é difícil passar por aqui. E não é uma situação tão difícil de resolver pela prefeitura", opina.

 

A dona de casa Ilda Souza, de 52 anos, cobra que algo seja feito no local. Para ela quem sofre mais são cadeirantes, que já enfrentam a falta de acessibilidade nas ruas da cidade. "Aqui tem muitos cadeirantes, muitas crianças. Se você andar pela orla inteira é essa situação. Já presenciei gente caindo, porque ando todos os dias aqui na orla. É muito complicado, porque os ciclistas não respeitam o espaço da gente também", acrescenta.

RESPOSTA DA PREFEITURA

A Prefeitura de Vila Velha informou que vai mandar uma equipe esta semana até o calçadão para verificar a reclamação dos moradores. A Prefeitura solicita ao cidadão que ligue para a ouvidoria por meio do número 162 para registrar reclamações e reivindicações.

Ver comentários