Notícia

Comércio capixaba espera aumento de 20% das vendas na Black Friday

De acordo com a Fecomércio, a expectativa pelo crescimento nas vendas acontece porque a desconfiança dos consumidores com as promoções diminui

Comércio espera aumento nas vendas durante a Black Friday
Comércio espera aumento nas vendas durante a Black Friday
Foto: Marcelo Prest

As ofertadas e promoções da “Black Friday” entraram de vez para o calendário do comércio capixaba. A data é uma grande tradição do comércio dos Estudos Unidos, para marcar o início das vendas de Natal. Traduzido para o português, o termo significa "sexta-feira negra", e sempre acontece na última sexta-feira do mês de novembro - neste ano, será no próximo dia 30. Na expectativa da Federação do Comércio de Bens, Serviços, e Turismo do Espírito Santo (Fecomércio), o crescimento nas vendas em 2018 pode ser de 20%, em comparação com evento do ano passado.

Na opinião de José Carlos Bergamin, diretor da Fecomércio, a expectativa pelo crescimento nas vendas acontece porque a desconfiança dos consumidores com as promoções diminuiu. "No ano passado a imagem da promoção ganhou credibilidade, as pesquisas mostraram isso. Por essa razão, as vendas no ano passado tiveram um crescimento de até 12%, e nesse ano vai crescer em torno de 20%", avaliou o diretor da Fecomércio.

Geralmente, os produtos eletrônicos, de telefonia celular e informática são os mais procurados pelos consumidores, mas os empresários de outros seguimentos também apostam nas promoções da “Black Friday”. Adonias Jesus da Silva é gerente de uma loja de calçados, no Centro de Vitória, e diz que vai fazer promoções: clientes terão descontos de até 15%.

"Estamos esperando um aumento na venda, porque os clientes esperam por essa data. Compramos muita mercadoria nova, para aprimorar as vendas. O comércio está muito parado, está muito difícil, principalmente no Centro de Vitória. Essa época é para a gente dar uma alavancada e recuperar. O ano foi bem difícil para o comércio", avaliou o gerente.

Adonias Jesus da Silva é gerente de uma loja de calçados, no Centro de Vitória
Adonias Jesus da Silva é gerente de uma loja de calçados, no Centro de Vitória
Foto: Eduardo Dias

PROCON MONITORA PREÇOS

Além de consumidores e comerciantes, o Procon do Espírito Santo também está de olho nas promoções da Black Friday. Para evitar fraudes e impedir a aplicação de falsos descontos, o órgão de proteção ao consumidor monitora oito sites de vendas e verifica o preço de 14 itens constantemente, como aparelhos de celular, computadores e televisão. Denize Izaita Pinto, presidente do Procon Estadual, explicou a estratégia de monitoramento.

"Nós escolhemos esses itens a partir de um questionário enviado para os consumidores. Esses 14 itens foram elencados desses questionários", explicou Denize Izaita.

Para as compras presenciais, o Procon orienta para que os consumidores fiquem atentos à política de trocas das empresas antes da compra. Em relação as compras pela internet, a presidente do Procon alertou para a importância dos consumidores verificarem se o site escolhido para a compra é confiável.

 

Ver comentários