Notícia

Claudia Rodrigues está internada há três meses em clínica

Segundo a assessoria de impressa da artista, o tratamento é de regime fechado e consiste em eliminar as sequelas da esclerose múltipla

Claudia recebe a visita de Cid Moreira na clínica em que está internada há três meses
Claudia recebe a visita de Cid Moreira na clínica em que está internada há três meses
Foto: Reprodução/Facebook

A atriz Claudia Rodrigues, de 45 anos, está internada desde fevereiro na Clínica Cevisa, no interior de São Paulo, fazendo tratamento de reabilitação das células-tronco. Segundo a assessoria de impressa da artista, o tratamento é de regime fechado e consiste em eliminar as sequelas da esclerose múltipla, após Claudia ter feito, em 2015, um transplante de células-troncos para curar a doença. A previsão é que a artista tenha alta só em junho.

"Essa reabilitação é para voltar ao normal o que ficou sequelado. A expectativa é que ela fique 100% curada até o fim do ano", informou a representante da artista.

"O transplante só estacionou a doença e tirou a fadiga, dando condições de vida normal para ela. Só que existem sequelas da esclerose que precisam ser reabilitadas, que foi o caso da marcha (andar), do olho e da fala. A fala já voltou completamente, a parte da memória também, ela, inclusive, já está até decorando textos. A parte da marcha melhorou 80%, o olho dela também. Então, os médicos acreditam que não vai ser preciso cirurgia", conta.

A clínica funciona como uma espécie de SPA, com atividades o dia inteiro e alimentação saudável. Claudia já perdeu 8kg desde o início do tratamento. Como não pode sair de lá, os médicos autorizaram a atriz a receber visitas. O apresentador Cid Moreira passou uma semana com a humorista na clínica a aproveitou para também fazer um tratamento.

Claudia iniciou o tratamento na clínica em outubro, quando foi internada pela primeira vez, por 30 dias. Ela retornou para lá em dezembro, passando mais um mês, voltou para casa e foi internada de novo em fevereiro, por um período aproximadamente de seis meses.