Notícia

Cozinha regional é atrativo durante alta temporada em Pedra Azul

No banquete de inverno, há carnes, massas, caldos, queijos... tudo produzido com ingredientes locais

Tuia, na Rota do Lagarto
Tuia, na Rota do Lagarto
Foto: Edson Chagas

As baixas temperaturas já deram as caras pela Grande Vitória, mas lá pelas bandas da Região Serrana do Estado os termômetros já andam pela casa dos 6°C. O friozinho começou a atrair muitos visitantes ao circuito gastronômico de Pedra Azul, o destino mais concorrido do inverno no Espírito Santo. Bares, restaurantes, delicatéssens e cafeterias da localidade já começaram a se preparar para a alta temporada, com cardápios reforçados com finas iguarias da cozinha de montanha.

Massas, risotos, crepes, carnes e outros pratos quentinhos esperam pelos glutões às mesas de casas muito charmosas, situadas no percurso da Rota do Lagarto e ao redor da pedra, nos distritos adjacentes.

A reportagem percorreu alguns dos endereços tão queridos pelos visitantes. Dos tradicionais Espaço Vellozia e Lusitânia ao mais novos, como a Tuia e o Quinta dos Manacás, não faltam pratos apetitosos, preparados por mestres-cucas de mão cheia, que priorizam o uso de ingredientes regionais bem frescos.

Nossa primeira parada foi no km 7 da Rota do Lagarto, na Tuia Gastronomia e Arte (99843-7503). Comandada por Thaiz Cunha e seu marido, Ávila Pedroni, a casa une decoração e gastronomia, com as galettes (crepes de trigo sarraceno, sem glúten) como carro-chefe. Recentemente, o local passou a oferecer também dois novos pratos: o guisadinho de filé mignon, servido com arroz, batata chips da casa e farofinha de ovo (R$ 38, individual); e a feijoada, com receita tradicional, acompanhada por arroz, farofa de alho na manteiga, couve refogada, torresmo e laranja fatiada (R$ 41, bem-servido para um). Ávila é quem prepara o chope da casa, Wigg Beer. A Tuia fica ao lado da Marietta Delicatéssen, que pertence à mãe de Thaiz, Lúcia.

Logo em frente à Tuia fica o mais novo point, o Taruíra Food Truck (99877-2799), o primeiro da região. No menu, figuram iguarias alemãs como salsichas, além de sanduíches com o embutido e hambúrgueres artesanais. Os preços dos belisquetes variam entre R$ 16 e R$ 38. O food truck funciona às sextas, das 18h às 22h, aos sábados, das 11h às 22h, e aos domingos, das 11h às 20h.

Mais opções

Seguindo rumo a Venda Nova, em São José do Alto Viçosa, é o Quinta dos Manacás (28 99965-9266) que enche os olhos e os pratos dos convivas. Com ambiente finamente decorado, a casa tem a cozinha assinada pelo chef Duaine Clements (passou pelo Le Buffet), que prepara cada prato com verduras e legumes orgânicos cultivados na propriedade.

O menu degustação (R$ 190, cinco etapas) varia semanalmente. No menu regular, há bacalhau, carnes e massas como ravióli e tagliatelle (principais entre R$ 69 e R$ 98).

Queijos da Orolatte
Queijos da Orolatte
Foto: Edson Chagas

Pouco mais à frente, ainda em Alto Viçosa, é o italiano Amedeo Mazzoco que prepara cinco tipos de queijo diferentes – todos premiados, na Orolatte (99724-0207). Entre os destaques, estão o asiago, com pouco sal e textura aerada, e o robiola com textura mais amanteigada. Preços entre R$ 45 e R$ 60 (o quilo).

Onde comer em Pedra Azul

Alecrim

No menu: Entre as sugestões da casa, está o concorrido filé mignon grelhado (250g) com risoto de gorgonzola e geleia de morango orgânico (esta produzida no próprio restaurante). O prato é individual, e sai a R$ 66. Neste sábado, terá programação musical, com DJ no salão da casa.

Vá lá: Na alta temporada, abre de quarta a domingo, das 11h30 às 16h. Na sexta e no sábado, também para o jantar, das 19h30 às 22h30. Rodovia Geraldo Sartório (ES 164), Estrada para Vargem Alta, km 73, Pedra Azul, Domingos Martins. (27) 3248-2178.

Delícias de Portugal

No menu: Uma das novidades para a temporada é o filé à Delícias, com crosta de nozes, batatas ao murro com molho três queijos e tomate recheado (R$ 75, individual). No menu, ainda figura o tradicional leitão à bairrada, feito por encomenda, e outras iguarias portuguesas. O chef João Emanuel pretende abrir, ainda neste mês de julho, o Cantinho Português, no Caminho das Flores. A especialidade será o frango na brasa, feito à moda lusitana.

Vá lá: Durante o mês de julho, abre de terça a quinta, das 11h30 às 15h. Sexta e sábado, das 11h30 às 15h e das 19h30 às 22h30. Domingo, das 11h30 às 16h. Rota do Lagarto, Km 7, Pedra Azul, Domingos Martins. (27) 99729-5999.

Espaço Vellozia

No menu: A casa, comandada pela chef Elizandra Módolo, tem variado o menu a cada duas semanas, com pratos que priorizam a produção orgânica da propriedade em que fica o restaurante. Entre as carnes costumeiras no menu, estão a paleta de cordeiro e a costela de baby javali no braseiro (R$ 164, para dois) com acompanhamentos do dia.

Vá lá: Sexta, das 19h às 23h. Sábado, das 11h30 às 16h e das 19h às 23h. Domingo, das 11h30 às 16h. BR 262, Km 89,5, Sítio das Flores, Domingos Martins. (27) 3248-0097.

Lusitânia

No menu: Inclui massas, como ravióli de banana da terra (acompanhado por escalope de mignon), e o nhoque de mandioquinha com ervas finas e cordeiro. Talharim de pupunha também figura entre as novas sugestões. Até o final do ano, o restaurante português irá reforçar o menu de sobremesas, com mais iguarias lusitanas.

Vá lá: Segunda a quinta, das 10h às 17h. Sexta, sábado e feriados, das 10h às 21h. BR 262, Km 90, Pedra Azul. (27) 3248-1331.

Lago da Lua

No menu: Filé mignon grelhado na manteiga com purê de baroa e molho de jabuticaba é o carro-chefe da casa, que também serve massas, outras carnes e peixes. O menu, como de costume, prima pelos ingredientes regionais, com ênfase nas ervas aromáticas e outras especiarias.

Vá lá: Sexta, das 18h às 22h. Sábado, das 12h às 22h. Domingo, das 12h às 17h. Rodovia Geraldo Sartório, Km 7, Domingos Martins. (27) 3248-2343.

Don Due

No menu: Sob o comando do chef italiano Alessandro Vallino, a cozinha do restaurante entrega novas alquimias como o rib de angus com risoto de limoncello (R$ 92, individual) e o risoto de costelinha de boi defumada (R$ 70, também para um). Em uma área anexa ao restaurante, a Salumeria oferece produtos importados como massas, azeites, vinhos e biscoitos.

Vá lá: Em julho, de terça a domingo. Terça e quarta, das 11h30 às 15h. Quinta e sexta, das 11h30 às 15h, e das 19h30 às 22h. Sábado, para o almoço até as 16h e para o jantar até as 23h. Domingo, das 11h30 às 16h. Rodovia Ângelo Girardi, s/n, Rota do Lagarto, Pedra Azul, Domingos Martins. (27) 3248-1352.

Venda da Rota

No menu: A loja de artigos para decoração ainda serve quitutes como bolinho de bacalhau, creme brûlée e hambúrguer caseiro. Vale dar uma olhada na carta de cervejas. As comidinhas são servidas em meio ao artesanato. Nos fundos da casa, funciona a fábrica de ofurô que deu origem ao espaço.

Vá lá: De sexta-feira a domingo e feriados, das 9h30 às 20 horas. Rota do Lagarto, km 7, Pedra Azul. (27) Informações: 3248-2264.

Travoletta

No menu: O carré de cordeiro com massa caseira de hortelã e legumes (R$ 79, individual) é um dos lançamentos, ao lado do nhoque de fruta pão com carne de sol feita na casa (R$ 59, individual).

Vá lá: BR 262, km 96, Villagio d’Italia, Pedra Azul. (28) 99886-1816.

Toca do Lagarto

No menu: Na carta, há mais de 30 rótulos de cervejas nacionais, artesanais e importadas, além de vinhos, petiscos e caldos.

Vá lá: O bar funciona de segunda a sexta, a partir das 18h. Sábado e domingo, a partir das 11h. Fica na Rua Uliana, 86, Pedra Azul. (27) 99232-9351.

Heimen Coffee

No menu: Com um deque que é um atrativo à parte, com vista limpa para a Pedra Azul, a casa entrega cafés filtrados feitos com grãos especiais, além de quitutes como quiches e empadas preparadas com produtos da região.

Vá lá: Sexta a domingo, das 8h às 18h. BR 262, Km 89, Rota do Lagarto, Pedra Azul, Domingos Martins. (27) 3248-0076.

Ver comentários