Notícia

À espera do novo presidente, time da Tiva na Copa ES ainda é incerto

Time grená estréia na Copa ES no dia 29 de julho, mas ainda não tem elenco o definido

A Desportiva até que tentou, fez o que pôde com um time que lutou até o seu limite, mas foi eliminada da Série D. O time grená caiu diante de um adversário que tem dois atributos que ainda faltam ao time grená: investimento e organização.

Apesar de saber desde abril do ano passado que jogaria a Série D 2017, a Desportiva não se preparou para isso, quase foi rebaixada no Estadual e montou uma time às pressas para o Brasileiro. Mesmo assim, sob o bom comando do técnico Rafael Soriano e o auxílio do gerente de futebol Rossato, a Tiva foi valente e fez alguns torcedores sonharem com o acesso que não veio.

Eliminação na Série D entristeceu torcedores da Desportiva
Eliminação na Série D entristeceu torcedores da Desportiva
Foto: Fernando Madeira

Ainda que o trabalho tenha pontos positivos, é provável que a base seja desfeita e os próximos dias são de incertezas na Desportiva. A estreia na Copa Espírito Santo acontece no dia 29 de julho, mas qual será o time que entrará em campo contra o Atlético Itapemirim? Ninguém no clube tem certeza.

Jogadores como o zagueiro Rafael Olioza, o volante Caetano e meia Zizu jogaram a Série D por empréstimo e devem voltar para os seus clubes. Outros jogadores tinham contrato apenas para a Série D e ainda não há certeza sobre as permanências. Além disso, jogadores da Desportiva também são alvos de propostas de rivais. Sem poder de investimento para aumentar salários, fica difícil segurar todo o elenco. 

Como a possibilidade de mais um desmanche existe, a Desportiva caminha para a terceira montagem de time em sete meses: um para o Capixabão, um para a Série D e outro para a Copa ES. Um modelo de planejamento que joga contra qualquer padrão de continuidade.

Desportiva foi eliminada da Série D
Desportiva foi eliminada da Série D
Foto: Fernando Madeira

Logo após a derrota para o Operário-PR o técnico Rafael Soriano comentou sobre a montagem do time para a Copinha, que vale vaga na Série D do ano que vem. “A perspectiva agora é Copa ES. É necessário fortalecer o elenco. Temos que ver o que a diretoria vai fazer. Temos jogadores que estavam emprestados e agora vão voltar para os seus times. A gente está vendo os adversários se reforçando e precisamos ver o que a diretoria vai fazer nesse sentido. Se a diretoria entender que sim eu fico (no clube)”, disse Soriano. 

Técnico Rafael Soriano está preocupado com a montagem do time para a Copa Espírito Santo
Técnico Rafael Soriano está preocupado com a montagem do time para a Copa Espírito Santo
Foto: Fernando Madeira

As definições do departamento de futebol também dependem da escolha do novo presidente da Tiva. O presidente Wilson de Jesus já manifestou o seu interesse de não continuar no comando do clube e está à espera da inscrição de chapas interessadas. Desta forma, novas eleições serão marcadas o quanto antes. Por enquanto, o mais provável é que o pleito tenha chapa única, liderada por Edney Costa, que atualmente é diretor financeiro do clube. 

Copa Espírito Santo

A Desportiva está na Chave B da Copa Espírito Santo. A estreia acontece no dia 29 de julho (sábado), às 15, contra o Atlético Itapemirim, no estádio José Olívio Soares. O grupo também tem Linhares, Vitória e Sport.