Notícia

Em Manaus, Bruno Conde busca vaga para Pan-Americano de Caratê

Capixaba disputa seletiva da seleção brasileira de base nesta sexta-feira (14), de olho em vaga do Sul-Americano sub-21

O capixaba Bruno Conde tem apenas 18 anos, mas tem experiência de sombra quando o assunto é fazer parte da seleção brasileira de base de caratê. Bruno tinha apenas 13 anos quando conseguiu a vaga pela primeira vez e não saiu mais. Agora o lutador quer garantir que vai continuar fazendo parte do seleto grupo por mais um ano seguido.

Para isso, o capixaba disputa em Manaus, a partir desta sexta-feira (14), mais uma seletiva da seleção de base. Dessa vez o outro grande objetivo de Bruno Conde é garantir a sua vaga para disputar o Pan-Americano, que acontece em agosto, na Argentina.

Bruno Conde, capixaba lutador de caratê
Bruno Conde, capixaba lutador de caratê
Foto: Darlan Aranha

“Fazer parte da seleção é uma honra para mim. Sempre gostei de representar o meu país nas competições. Isso me dá motivação para me preparar ainda mais. Tenho que estar sempre bem, para fazer bonito”, destacou o lutador capixaba.

Até o ano passado Bruno Conde fazia parte da seleção júnior de base, mas agora os desafios do capixaba estão maiores. Bruno está na categoria sub-21, com rivais de 18, 19 e 20 anos. Na avaliação do capixaba, os adversários são mais fortes e as exigências aumentam a cada competição.

“O nível é muito alto, muitas vezes a categoria sub-21 tem a mesma dificuldade nas competições de adultos. Todos os atletas dessa categoria treinam muito e participam de muitas competições”, explicou Bruno.

Bruno Conde vai participar de duas seletivas na competição em Manaus. Na modalidade kumite, que tem o duelo com contato entre dois lutadores, Bruno vai encarar um rival de São Paulo. Quem vencer dois dos três combates consegue a vaga na seleção. No kata, que é uma coreografia de golpes, sem contato com qualquer adversário, onde a técnica dos movimentos é avaliada, Bruno terá outros sete concorrentes pela vaga na seleção.

“Estou indo para tentar as vagas no kumite e no kata, não tenho preferências porque me preparo muito bem para os dois”, finalizou Bruno, que no ano passado foi campeão do Pan-Americano e do Sul-Americano na modalidade kumite.

Bruno Conde

Esporte: Caratê

Idade: 18 anos

Competição: Seletiva da seleção brasileira de base

Objetivo: Garantir vaga no Pan-Americano Sub-21