Notícia

Capixabas buscam título no Circuito Brasileiro de vôlei de praia

Com 32 duplas e novo formato, primeira etapa do Circuito nacional vai começar nesta quarta-feira, em Campo Grande-MS

Bola para o alto para o campeonato mais disputado do vôlei de praia mundial. Nesta quarta-feira começa o Circuito Brasileiro Open, em Campo Grande-MS. O Espírito Santo tem quatro representantes na primeira etapa da competição, com Alison e Bruno Schmidt, André Stein e Evandro (RJ), Larissa e Talita (AL), e Elize Maia e Taiana (CE).

André Stein está jogando ao lado de Evandro
André Stein está jogando ao lado de Evandro
Foto: Divulgação

Atuais campeões da Copa do Mundo, André Stein e o parceiro carioca Evandro, chegam com moral para o torneio nacional, que desta vez terá ainda mais duplas na disputa. Ao todo serão 32 competidores. Fato que deixa a competição ainda mais movimentada, como destaca o capixaba André Stein, de 23 anos.

“O campeonato volta a ter o formato de antes, com mais duplas participando. Isso deixa ainda mais acirrada a disputa. Teremos novas duplas surgindo e algumas boas novidades também, como a presença do norte-americano Reid Pridd, que foi campeão olímpico no vôlei de quadra em 2008, em Pequim (China) fazendo parceria com o Ricardo. Isso só acrescenta à competição.”

Stein e Evandro, que chegam como favoritos pelo peso do título mundial, garantem que não vão deixar que tal nomeação possa vir a atrapalhar de alguma forma o desempenho deles em quadra.

ES - Vila Velha - Medalhistas olímpicos de volêi de praia, Alison Cerutti e Bruno Schimidt
ES - Vila Velha - Medalhistas olímpicos de volêi de praia, Alison Cerutti e Bruno Schimidt
Foto: Carlos Alberto Silva - GZ

“É bom chegar com moral, por ter conquistado o Mundial, mas por outro lado a gente trabalha para não deixar que isso possa nos atrapalhar na hora do jogo. Não queremos deixar que a pressão do título recai como forma de obrigação. Claro, temos uma responsabilidade maior agora, mas vamos tentando trabalhar bem isso para que seja revertido em forma de incentivo”, disse o atleta.

Nas duplas femininas, além da favoritas grandes favoritas Larissa e Talita, Elize Maia e Taiana chegam brigando por espaço no pódio. Com a mudança da formatação do Circuito, a dupla ainda não sabe quem vai encarar na estreia da competição, já que as adversárias vão sair de um Qualifying, como explica a capixaba.

Elize Maia, jogadora capixaba de vôlei de praia
Elize Maia, jogadora capixaba de vôlei de praia
Foto: Divulgação/CBV

“Desta vez a gente entra no campeonato com uma surpresa. Por nossa dupla ser cabeça de chave, estamos esperando nossas adversárias que vão sair do qualifying que acontece nesta quarta-feira. Então, diferentemente dos anos anteriores, quando a gente já estudava as primeiras rivais com antecedência, desta vez vamos conhecê-las na partida de quinta-feira”, comentou Elize.

A capixaba reforça, porém, um lado positivo do Circuito Brasileiro, que é algo diferente do que os atletas estão acostumados no Circuito Mundial. “Aqui temos o apoio do treinador, que pode ficar no banco e passar as instruções no momento do jogo. É bom ter a visão dele que está fora e vê de outra ótica. Para a gente, conta muito ter o ‘Big’, nosso treinador, ali do lado.”

Alison, que casou semana passada, só terá a lua de mel completa no final do ano. Atuais campeões olímpicos, ele e Bruno tentam mais um título na carreira, assim como Larissa, atual campeã mundial.

Entenda o novo formato do campeonato

A Circuito Brasileiro passou de 16 para 24 times na fase de grupos, em ambos os gêneros. A definição das duplas acontece de duas maneiras. Os primeiros 16 times mais bem colocados no ranking nacional entram direto na fase principal, enquanto as outras oito duplas saem do classificatório, que ocorre na quarta (feminino) e quinta-feira (masculino).

O classificatório conta com até 32 times que disputam partidas eliminatórias diretas, com os últimos oito sobreviventes finais avançando.

As 24 duplas disputam a fase de grupos em seis grupos de quatro times. Os primeiros e segundos colocados de cada chave, além dos quatro melhores terceiros colocados vão para as oitavas de final. Desta etapa em diante o torneio segue em formato eliminatório direto até a decisão.

Ver comentários