Notícia

Cão quebra coluna ao ser atropelado e dona pede ajuda para fazer cirurgia

O cachorrinho, mesmo medicado, está sofrendo e sentindo muitas dores. É preciso fazer uma cirurgia, com urgência, de descompressão da coluna

Cão quebra coluna ao ser atropelado e dona pede ajuda para fazer cirurgia
Cão quebra coluna ao ser atropelado e dona pede ajuda para fazer cirurgia
Foto: Arquivo Pessoal

Um cão foi atropelado em Jacaraípe, na Serra, nesta quarta-feira (17) e, devido ao acidente, quebrou a coluna e está sentindo muitas dores. A dona, que havia dado lar temporário e, por isso, acabou adotando-o, não tem condições de custear a cirurgia, que custa R$ 1 mil. Mesmo medicado, o cachorrinho está com muitas dores e precisa operar com urgência. Uma campanha, então, foi iniciada nas redes sociais para ajudar o animal.

A protetora de animais Patrícia Gonçalves, que assumiu a campanha, explica que a dona do cachorrinho, que atende por Caetano, deu lar temporário para mais dois cães. "Ela ficou com ele e mais dois e como ninguém os adotou, ela, mesmo sem condições, ficou com eles para não colocá-los na rua", relata.

Às 14h45 desta sexta-feira (19), Caetano não resistiu à cirurgia. Patrícia informa que precisará pagar os R$ 1000, pois os pinos já haviam sido inseridos, além de precisar pagar o anestesista e a sala de cirurgia, que foi alugada. 

Na quarta, alguém deixou o portão aberto e o cão acabou fugindo. O condutor do veículo fugiu e não prestou socorro. A medula de Caetano foi quebrada no acidente e, com isso, há poucas chances dele voltar a andar, mas é preciso fazer a cirurgia de descompressão. "Mesmo com medicamentos, ele está sofrendo e sentindo muitas dores. Precisamos realizar a cirurgia", explica Patrícia.

Doações

Cão quebra coluna ao ser atropelado e dona pede ajuda para fazer cirurgia
Cão quebra coluna ao ser atropelado e dona pede ajuda para fazer cirurgia
Foto: Arquivo Pessoal

A cuidadora é voluntária em abrigos de animais carentes em Guarapari, além de ter o projeto "Ajuda Cão". Nele, são vendidos chaveiros e canecas parra ajudar na castração e tratamento dos bichinhos. "Os medicamentos eu consegui custear pelo projeto, mas a cirurgia, por ser cara, precisamos pedir doações", afirma.

Após o procedimento, mesmo que o cão volte a andar será necessário comprar uma cadeira de rodas, além de outros medicamentos. Quem quiser ajudar pode entrar em contato no telefone: (27) 999938887 ou depositar nas contas abaixo:

Banco do Brasil, Agência 1609-8, Conta Corrente: 60101-2, Favorecido: Roberto F S

Caixa Econômica Federal, Agência: 0881, Operação: 013 (poupança), conta poupança: 00043518-2, Favorecido: Patricia Jane de Paula Gonçalves

Banco Bradesco, Agência: 7998-7, Conta Corrente: 0007133-1,Favorecido: Patricia Jane de Paula Gonçalves

Ver comentários