Notícia

Ao brincar com arma de tio, criança mata primo de 7 anos

O menino chegou a ser levado ao hospital, mas não resistiu ao ferimento

Um menino de 9 anos matou o primo, de 7 anos, com um tiro acidental de espingarda, na tarde deste domingo (18), em Mira Estrela, interior de São Paulo. As crianças estavam brincando com a arma, que acabou disparando e acertando Gabriel Monteiro Ossefani na nuca. O menino chegou a ser levado ao hospital, mas não resistiu ao ferimento. O tio deles, de 65 anos, dono da espingarda, foi autuado por homicídio culposo, porte ilegal de armas e omissão de cautela na guarda da arma.

Menino foi morto em brincadeira com primo
Menino foi morto em brincadeira com primo
Foto: Reprodução | Memorial Mira Estre

De acordo com a Polícia Civil, as crianças estavam com os familiares no sítio do tio, para passar o fim de semana. Gabriel tinha saído do banho e entrou no quarto onde o primo brincava com a arma. Sem que nenhum familiar visse, o mais velho apontou a arma para as costas de Gabriel e a cartucheira disparou. A arma era de calibre 28 e estava na família há anos.

> Empresário é morto por assaltantes com tiro no peito

Segundo a Polícia, o tio das crianças disse que a espingarda pertenceu ao avô dos meninos e era mantida na residência para espantar animais e porque outras propriedades da região já haviam sido assaltadas. Ainda segundo ele, a arma ficava escondida dentro do guarda-roupa e não sabe como as crianças a encontraram.

O tio das crianças foi autuado e chegou a ser preso, mas foi solto após audiência de custódia realizada nesta segunda-feira. O homem responderá em liberdade. O corpo do menino Gabriel será sepultado no cemitério municipal de Valentim Gentil, também no interior de São Paulo.

> Adolescente esfaqueia o pai para salvar a avó de agressões

Ver comentários