Notícia

Vitória vacina animais de 3 bairros após morcego detectado com raiva

Vacinação contra raiva animal ocorrerá na próxima quinta-feira (14) e sexta-feira (15), nos bairros Joana DArc, Santa Martha e São Cristóvão

A ação será desenvolvida em um raio de 500 metros de onde foi encontrado o animal
A ação será desenvolvida em um raio de 500 metros de onde foi encontrado o animal
Foto: André Sobral/ Prefeitura Municipal de Vitória

Equipes do Centro de Vigilância em Saúde Ambiental (CVSA) realizam vacinação contra raiva animal na próxima quinta-feira (14) e sexta-feira (15), nos bairros Joana D’Arc, Santa Martha e São Cristóvão. A medida foi tomada após um morcego com o vírus da raiva ter sido recolhido no Parque Municipal de Barreiros, em São Cristóvão.

A vacinação será realizada de casa em casa, das 7h30 às 13h30, por 12 equipes a pé (em duplas ou trios). Elas serão compostas por agentes de combate às endemias. É válido ressaltar que os agentes estarão uniformizados e com material próprio para aplicar as vacinas.

A ação será desenvolvida em um raio de 500 metros de onde foi encontrado o animal e tem como objetivo imunizar todos os animais que não conseguiram ser vacinados durante a última campanha, ocorrida em agosto.

"A ação de bloqueio de vacinação de cães e gatos é uma medida preventiva para reforçar a imunidade dos animais domésticos, considerando a confirmação da circulação do vírus da raiva naquela região", afirmou a coordenadora técnica de Vigilância em Saúde Ambiental, Clara Scarpati.

Ação nas escolas e parque

A equipe de Educação em Saúde do CVSA realizará ainda abordagens educativas em escolas e locais de grande movimentação, buscando a divulgação do caso e orientação da população da região. Serão expostos os riscos da doença, como identificar novos focos e adoção de medidas de proteção e prevenção.

A equipe também orientará as pessoas que trabalham no Parque Barreiros, os jogadores de futebol do campo do Lolão e as residências e comércios no entorno do parque.

Vacina

Para prevenir a doença, a Secretaria Municipal de Saúde (Semus) realiza, todos os anos, a campanha de vacinação contra a raiva, que visa imunizar os cães e gatos do município e, assim, prevenir a ocorrência da doença em animais e humanos. A vacina é gratuita.

É importante lembrar que, neste ano, foram identificados nove morcegos e um primata contaminados em bairros de Vitória.

"Considerando o momento em que verificamos a circulação do vírus da raiva em morcegos nessa área, orientamos o reforço da imunidade do animal de estimação (cão ou gato), vacinando-o por meio do CVSA, mesmo se o animal tiver sido vacinado na clínica particular", concluiu Clara.

Orientações

Caso tenha qualquer tipo de contato com morcego ou caso suspeite que tenha tido contato - por exemplo, encontrar o animal em cima da cama ou no quarto -, procure imediatamente a unidade de saúde mais próxima da sua casa;

Caso encontre algum morcego vivo ou morto em situação anormal - por exemplo, caído no chão, pendurado em janelas e cortinas, em cima da cama, à luz do dia, que adentre residências -, não toque no animal e ligue imediatamente para o Fala Vitória 156, solicitando o recolhimento. Se possível, capture o animal sem tocá-lo utilizando panos, caixas de papel ou baldes ou mantendo-o preso em ambiente fechado até que a equipe do Centro de Controle de Zoonoses realize o recolhimento;

Para residências próximas das árvores com frutos, flores ou de áreas de vegetação mais densa, orientamos as janelas sejam protegidas por telas, para evitar a entrada desses animais nas residências;

A vacinação de cães e gatos contra a raiva é a principal medida de prevenção da doença e deve ser feita todo o ano. A vacina é gratuita e está disponível no Centro de Vigilância em Saúde Ambiental (CVSA, antigo Centro de Controle de Zoonoses), na rua São Sebastião, s/nº, Resistência, telefone: 3324-5864.

A raiva é uma doença grave e letal em 100% dos casos e pode ser transmitida pela saliva de animais infectados, por meio de mordedura, arranhaduras ou lambeduras.

Ver comentários