Notícia

Espírito Santo registra mais de 10 mil casos de dengue só neste ano

Estado registrou pelo menos 254 casos graves da doença e oito óbitos estão em investigação

O 40º Boletim da Dengue revelou nesta quarta-feira (11) que já foram notificados mais de 10 mil casos de dengue no Espírito Santo no período entre 1º de janeiro a 7 de outubro deste ano. Destes, 254 são casos graves e oito são óbitos sob investigação.

De acordo com a classificação do Ministério da Saúde, a taxa de incidência da doença no estado é média (258,98). Para calcular, divide-se o número de notificações (ou seja, o número de novos casos da doença) pela população e multiplica-se este valor por 100 mil.

Mosquito transmissor da dengue
Mosquito transmissor da dengue
Foto: Pixabay

Chikungunya e Zika

A Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) também divulgou nesta quarta-feira que foram notificados no Espírito Santo 1.346 casos de Chikungunya entre 1º de janeiro de 2017 e o último sábado (07). Dentro desse total, há um óbito confirmado. Há registro de circulação do vírus em 22 municípios: Afonso Cláudio, Alfredo Chaves, Aracruz, Baixo Guandu, Barra de São Francisco, Cachoeiro de Itapemirim, Cariacica, Colatina, Conceição da Barra, Guaçuí, Guarapari, Jerônimo Monteiro, Linhares, Marechal Floriano, Montanha, Nova Venécia, São Mateus, Serra, Vargem Alta, Viana, Vila Velha e Vitória.

No mesmo período, de acordo com a Sesa, foram notificados 467 casos de infecção pelo zika vírus no Espírito Santo. Os municípios que apresentam casos de zika confirmados são: Alto Rio Novo, Aracruz, Baixo Guandu, Barra de São Francisco, Cachoeiro de Itapemirim, Cariacica, Castelo, Colatina, Domingos Martins, Fundão, Guarapari, Iconha, Irupi, Itaguaçu, Itarana, Iúna, Mantenópolis, Marataízes, Marechal Floriano, Mucurici, Muniz Freire, Nova Venécia, Pinheiros, Presidente Kennedy, Santa Teresa, São José do Calçado, Serra, Sooretama, Viana, Vila Velha e Vitória.

Ver comentários