Notícia

Três meninas e um só desejo: mudar o mundo

Sophia, Marina e Lívia têm como marca a solidariedade

Foto: Edson Chagas

Como já diz o ditado, “tamanho não é documento”. Prova disso é a solidariedade gigante que faz Sophia Moreno, Marina Cunico, ambas de 11 anos, e Lívia Bonela, de 6, terem muita coisa em comum. As três decidiram que ajudar era a maior riqueza que poderiam ter na vida. Hoje, Dia da Criança, elas podem servir de exemplo para muita gente grande e têm um sonho em comum: mudar o mundo.

Na casa de Sophia, tudo começou quando ela, aos 6 anos, questionou os seus pais o motivo de não ser elogiada na escola. A família, então, explicou que ela era bonita, sim, e que deveria se orgulhar da cor da sua pele. E, hoje, a menina levanta a bandeira da representatividade negra nos concursos de beleza infantis e incentiva autoestima de meninas.

Com 11 anos, ela já conquistou o primeiro lugar de Miss Brasil De Las Américas Infantil 2017. “O Brasil é muito colorido e temos os mais variados tipos de pessoas. Então precisamos ser coloridos também, ter direitos iguais. Levar isso me deixa feliz e eu sei que estou fazendo as pessoas felizes. É o meu presente”, conclui Sophia.

Já o foco de Marina Cunico é ação social. A partir da morte de uma prima, ela resolveu cortar os cabelos e doar, ação que realiza até hoje. Ela também transforma sucatas em brinquedos para crianças de periferia. “Caixa de ovo vira carro de bombeiro, caixa de suco máquina fotográfica”, detalhou a mãe Fabiana Franco.

Hoje, a menina participa de seis projetos voluntários e é autora do livro "Minha Vida". Os sonhos de Marina não param e com o dinheiro da venda do livro ela deseja comprar um ônibus-escola, para levar para os bairros aulas de reforço. “O que me move a ajudar o próximo e ver o sorriso, a felicidade estampada. Então, sempre tenho tempo para fazer o outro feliz”, diz Marina.

Ajudar também é o que move Lívia Bonela, 6 anos. Renata Bonela, mãe da menina, conta que desde os 3 anos da filha notava que ela sempre queria ajudar. Conforme ia crescendo, Lívia via a necessidade de ser solidária. Hoje, ela deixa o cabelo crescer com o intuito de doar. “A Bíblia diz que precisamos amar o nosso próximo, por isso que eu gosto de ajudar”, afirmou Lívia.

PERFIL

Sophia Moreno

11 anos

Ela está no 6º ano no ensino fundamental e tem como hobbie estudar flauta, violino e violão. Além disso, ela vê que a principal beleza do ser humano não é a exterior, mas a interior.

Marina Cunico

11 anos

Cursando o 6º ano do ensino fundamental, Marina encontra na reciclagem a oportunidade de usar a criatividade. Deseja fazer tudo na vida de forma que possa ajudar o outro.

Lívia Bonela

6 anos

Está no 1º ano do ensino fundamental. Faz natação e é apaixonada pela atividade. Além disso, ela curte de ajudar a mãe na cozinha. Aprende com a família como ajudar o próximo.

Ver comentários