Notícia

Abra as portas da imaginação e deixe o bom gosto entrar

Colorida, de madeira maciça ou de vidro, a porta pode ser mais do que área de passagem

Portas de vidro deixam a luz entrar sem, necessariamente, interferir na privacidade
Portas de vidro deixam a luz entrar sem, necessariamente, interferir na privacidade
Foto: Divulgação

Sempre viu as portas como meras coadjuvantes? Saiba que elas têm tudo para conquistar o papel principal. Podem ser grandes e imponentes, coloridas e despojadas e até de vidro sem comprometer a privacidade. A nova tendência vai fazer a diferença na sua casa.

As portas bem trabalhadas trazem a mensagem de boas-vindas aos visitantes quando estão na entrada de casa. Elas também são elemento de composição e demarcação de passagem, transição de um espaço para outro. As mais ousadas podem ser consideradas, inclusive, um objeto decorativo.

As coloridas também contribuem para o projeto
As coloridas também contribuem para o projeto
Foto: Divulgação

As mais sofisticadas são altas e largas, geralmente de madeira de lei ou material semelhante. “Para isso, é preciso ter um pé direito alto. Em um apartamento compacto, uma porta muito grande fica desproporcional”, alerta Flávia Gamallo, arquiteta do escritório Coga Arquitetura.

Quem mora em apartamento não precisa se frustrar, também há portas sofisticadas e com dimensões mais enxutas. Segundo a arquiteta, as laqueadas e coloridas são as mais utilizadas nesses casos.

As portas de vidro também são opções para separar cômodos com estilo dentro de apartamentos ou casas mais compactas, pois ela dá leveza ao espaço. “Quem deseja priorizar a entrada de luz nos cômodos, deve evitar portas de vidro coloridas”, explica Érico Miguel, gerente de planejamento da Idea Glass. 

Ver comentários