Notícia

Após anunciar ação contra Joesley Batista, Temer se reúne com ministros

Encontro ocorreu após a revista 'Época' divulgar entrevista com o empresário Joesley Batista

PRAIA GRANDE 12/01/2017 - NACIONAL POLÍTICA- MICHEL TEMER - Presidente da República Michel Temer participa de cerimônia de inauguração da Escola Municipal de Ensino Fundamental Professor Fued Temer em Praia Grande na Baixada Santista  - Foto: NILTON FUKUDA/ESTADÃO
PRAIA GRANDE 12/01/2017 - NACIONAL POLÍTICA- MICHEL TEMER - Presidente da República Michel Temer participa de cerimônia de inauguração da Escola Municipal de Ensino Fundamental Professor Fued Temer em Praia Grande na Baixada Santista - Foto: NILTON FUKUDA/ESTADÃO
Foto: NiltonFukuda

pós anunciar que irá acionar a Justiça contra o empresário Joesley Batista, o presidente Michel Temer se reuniu na tarde deste sábado (17) com ministros no Palácio do Jaburu, em Brasília.

Pelo menos dois ministros foram à residência oficial para se reunirem com Temer: Antônio Imbassahy (Secretaria de Governo) e Torquato Jardim (Justiça).

O encontro com os ministros ocorre após a divulgação de uma entrevista de Joesley Batista à revista "Época". Na reportagem, o empresário acusa o presidente de liderar "a maior e mais perigosa organização criminosa do Brasil" e afirma que Temer não tinha "cerimônia" para pedir dinheiro para o PMDB.

Após a reportagem, a Secretaria de Comunicação da Presidência da República informou, por meio de nota, que o presidente ingressará na próxima segunda com ações na Justiça contra o dono do grupo J&F.

Na nota, a Presidência também critica o acordo de delação premiada firmado pelo empresário e o chama de "bandido notório" (leia a nota ao final desta reportagem).