Gazeta Online

Notícia

Mistério em desaparecimento de trabalhador rural em Alegre

Bruno Rodrigues, de 32 anos, saiu de casa na última quinta-feira (06) para ir no sítio da família e não retornou

Bruno saiu de casa 12h do dia seis de setembro
Foto: Reprodução

Familiares e amigos do trabalhador rural Bruno Rodrigues, de 32 anos, se reúnem desde a última sexta-feira (07) para procurá-lo na região do Caparaó. Ele saiu por volta de 12h de quinta-feira (06) para cuidar de dois bezerros e desapareceu. A motocicleta dele, que também estava desaparecida, só foi encontrada na manhã desta terça-feira (11).

A esposa de Bruno, a costureira Leidiane Garcia Catten, contou que ele saiu de casa em Jerônimo Monteiro e disse que iria para o sítio da família, na localidade de Carneiro, interior de Alegre, para “tocar” dois bezerros.

“O tio dele viu ele descendo a cavalo até um certo pedaço e depois não viu mais. A moto dele ficou um pouco mais para cima. De madrugada fui vendo que ele não retornava e fiquei preocupada, liguei para o celular dele e só dava caixa postal. Fui lá procurar e não encontrei a moto e nem ele”, contou.

Leidiane ainda disse que, no sábado, procurou a polícia para registrar o boletim de ocorrência e, desde então, familiares amigos e PM iniciaram as buscas na região. “Encontramos sangue e fogueira. Não sei se está morto, se está em cativeiro, não sei o que foi. E quando ele saiu ele disse que voltaria de tarde, temos um menino de dois anos que fica procurando pelo pai”.

A motocicleta de Bruno foi encontrada em uma ribanceira junto com a sela do cavalo que ele usava. A Polícia Civil segue com as investigações. A perícia vai analisar o local onde o veículo foi encontrado. Quem souber qualquer noticia sobre o paradeiro de Bruno pode ligar para (28) 999858814 ou para o disque denúncia 181.

No ad for you
Outbrain