Notícia

Doação de órgãos: mais de 1.200 pessoas na fila no Espírito Santo

O número, porém, varia dia a dia, de acordo com a Secretaria de Estado de Saúde

Doar órgãos é doar vida! Ao longo deste mês de setembro acontecem programações voltadas a sensibilizar a sociedade sobre a importância da doação de órgãos, no chamado “Setembro Verde”. Aproveitando o início do mês, o comentarista Michel Assbu, nesta edição do Consultório CBN, explica como a doação de órgãos ajuda a salvar vidas. Segundo o Ministério da Saúde, o transplante de órgãos é um procedimento cirúrgico que consiste na reposição de um órgão (coração, fígado, pâncreas, pulmão, rim) ou tecido (medula óssea, ossos, córneas) de uma pessoa doente (receptor) por outro órgão ou tecido normal de um doador, vivo ou morto. Até o último dia 2, 1.216 pessoas aguardavam por um transplante no Espírito Santo. O número, porém, varia dia a dia, de acordo com a Secretaria de Estado de Saúde (Sesa). Confira!

Onde são realizados transplantes no ES?

Atualmente, são realizados no Espírito Santo transplantes de coração, fígado, pâncreas, rim, córnea/esclera, medula óssea autólogo e medula óssea aparentado. Existem no Estado sete serviços habilitados para realização desses procedimentos, sendo cinco deles por meio do Sistema Único de Saúde (SUS) e quatro particulares, no entanto, todo o processo de notificação, captação e doação de órgãos é feito pelo SUS.

- Hospital Meridional: coração, fígado e rins;

- Hospital Evangélico de Vila Velha: coração, rim e córnea;

- Hospital Universitário Cassiano Antônio de Moraes (Hucam): córnea;

- Centro de Cirurgia Ocular do Espírito Santo (Cecoes): córnea (procedimento por convênio particular);

- Instituto de Olhos do Espírito Santo (IOES): córnea (procedimento por convênio particular);

- Instituto Oftalmológico Santa Luzia: córnea (procedimento por convênio particular);

- Hospital Mata da Praia: córnea (procedimento por convênio particular).

Já os bancos de olhos que realizam a captação de córneas estão localizados no Hospital Universitário Cassiano Antônio de Moraes (Hucam), que realiza a captação de córneas em Vitória, e no Hospital Evangélico de Vila Velha, que faz a captação de córneas nos demais municípios do Espírito Santo.

[Fonte: SESA]

Ver comentários