Notícia

ES registra menor número de mortes nas rodovias federais

Balanço da Polícia Rodoviária Federal (PRF) mostra que o estado, no ano passado, teve o menor número de acidente graves nas rodovias federais desde 2010

Balanço anual divulgado pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) nesta segunda-feira (7) mostra que o Espírito Santo, no ano passado, teve o menor número de acidente graves nas rodovias federais que cortam o Estado desde 2010.

De acordo com a PRF, em 2018 ocorreram 2618 acidentes em rodovias federais que cortam o Estado, que resultaram na morte de 133 pessoas e em 3257 feridos. Os números são menores quando comparados a 2010, ano que ocorreram 7.830 acidentes, que resultaram na morte de 315 pessoas e deixaram 4.011 feridos.

A instituição acredita que a redução acontece devido ações de educação para o trânsito e reforço de policiamento em pontos críticos nos rodovias federais, em especial em períodos de aumento de fluxo, nas férias e festas de fim de ano. Confira as explicações do Superintendente da Polícia Rodoviária Federal no Espírito Santo (PRF-ES), Wilys Lyra, na Rádio CBN Vitória.

OCORRÊNCIAS POR MUNICÍPIOS

O município de Serra teve o maior número de acidentes, representando 566 ocorrências, seguido por Cariacica e Linhares, com 382 e 280, respectivamente. Serra também figura como sendo o de maior gravidade nas ocorrências, com 13 mortos e 694 feridos. Linhares e Guarapari registraram, cada, nove mortes. Já Cariacica registrou 8 óbitos e totalizando 432 feridos.

Ver comentários