Notícia

ES Gás aposta em oferta de gás mais barato ao consumidor

Ouça a entrevista com o atual secretário estadual de Desenvolvimento e futuro presidente da empresa ES Gás, Heber Resende

O futuro presidente da empresa ES Gás, Heber Resende, atual secretário estadual de Desenvolvimento, deve assumir as funções da nova empresa ainda neste mês de julho. Segundo ele, a nomeação para o cargo deve acontecer em breve. Com a definição do corpo administrativo, a estatal passará a funcionar no Espírito Santo. A companhia, de economia mista, tem o estado do Espírito Santo no controle acionário (51%) e a participação da distribuidora (49%). A empresa será a nova concessionária estadual de distribuição de gás canalizado por 25 anos. A constituição do negócio ocorre após anos de um questionamento judicial sobre a validade do contrato de concessão, assinado em 1993, sem licitação.

A lei que autorizou a criação da ES Gás foi sancionada, em dezembro do ano passado, no âmbito de um processo para regularizar a concessão do setor de distribuição de gás. As mudanças que serão implantadas devem quebrar o monopólio da Petrobras, abrir o mercado de gás do Espírito Santo e consequentemente baratear o custo ao consumidor.

A ES Gás

A formação da estatal de distribuição de Gás no Estado tem sido tocada pelo governo do Estado há mais de dois anos.

O processo começou para regularizar a concessão do setor que já tinha sido extinta desde 1997. Os trabalhos de distribuição eram feitos pela BR Distribuidora por meio de um contrato precário que duraria ao todo 50 anos.

O governo rompeu esse acordo na metade de sua operação. Uma das alternativas para solucionar o impasse foi criar a ES Gás. Com o acordo, o Estado tem 51% das ações. A BR fica com uma fatia de 49%.

Com a sociedade, tanto o governo quanto a BR não precisarão indenizar um a outro. O Estado, por exemplo, teria que pagar a distribuidora pelos investimentos feitos em infraestrutura. Já a empresa teria que compensar os capixabas por ter explorado a atividade sem ter participado de uma concorrência. (Com informações de Beatriz Seixas)

 

Ver comentários