Notícia

Sarampo: uma pessoa pode transmitir a doença para até 12 outras

Ouça as orientações da médica infectologista Rúbia Miossi

Vacinação contra o sarampo
Vacinação contra o sarampo
Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil

O sarampo é uma doença altamente contagiosa que tem como os primeiros sintomas febre alta, mal-estar, coriza, conjuntivite e tosse. Nos dias seguintes o paciente evolui para o aparecimento de manchas vermelhas pelo corpo. 

>Vírus do sarampo fica até duas horas no ar, diz coordenadora da Sesa

A doença pode evoluir também para a forma mais grave, com o aparecimento de uma pneumonia viral e até encefalite, como explica em entrevista à rádio CBN Vitória, a médica infectologista Rúbia Miossi.

>Caso de sarampo provoca aumento na procura pela vacina em Cariacica

A especialista alerta também que uma única pessoa é capaz de transmitir o sarampo para um grupo de até 12 pessoas, daí a conotação de doença altamente contagiosa. Pessoas com sintomas da doença não devem fazer uso de aspirina e nem de anti-inflamatórios.

Ver comentários