Notícia

Câmeras do "cerco eletrônico" vão ser instaladas em Camburi

Ainda não há data para o início do funcionamento do cerco

Câmera de videomonitoramento na Dante Michelini: outros equipamentos serão instalados para fiscalizar
Câmera de videomonitoramento na Dante Michelini: outros equipamentos serão instalados para fiscalizar
Foto: Vitor Jubini | AG

Quem passou pela Ponte de Camburi e pelo Hotel Canto do Sol, na Avenida Dante Michelini, nesta segunda-feira (19), pode ter notado duas novas estruturas nos dois sentidos da via. São dois pórticos que servirão para a instalação de câmeras de videomonitoramento que irão compor o sistema eletrônico de monitoramento de veículos, conhecido como "cerco eletrônico".

Ainda não há data para o início do funcionamento do cerco. As câmeras servirão para flagrar carros roubados ou com placas clonadas nos acessos a Vitória e principais vias da cidade, mas a operação ainda depende de convênio com a Secretaria Estadual de Segurança Pública (Sesp).

O secretário municipal de Transportes, Trânsito e Infraestrutura Urbana de Vitória, Tyago Hoffmann informou que as câmeras que serão usadas para multar motoristas que trafegarem pela Linha Verde, na Avenida Dante Michelini, também serão integradas ao cerco eletrônico.

Ao todo, serão 48 pontos de monitoramento na Capital. Desses, 30 serão em faixas exclusivas de ônibus para identificar motoristas que utilizam essa vias indevidamente e outros 18 em diversos pontos da cidade que vão monitorar toda a circulação de veículos. No total, 100 câmeras vão ser instaladas. Hoje, Vitória já conta com duzentas câmeras de videomonitoramento.

Ver comentários