Notícia

Em Vila Velha, chef belga comemora vitória contra seleção brasileira

Na próxima terça-feira (10), Bruno Uyttenhoven vai torcer pela Bélgica contra a França na semifinal da Copa do Mundo

Chef belga Bruno Uyttenhove comemora vitória da Bélgica
Chef belga Bruno Uyttenhove comemora vitória da Bélgica
Foto: Vitor Jubini

Depois da derrota brasileira para a Bélgica por 2 a1 nas quartas de final da Copa do Mundo, uma pessoa que vive no Espírito Santo tem motivos de sobra para comemorar. O chef belga Bruno Uyttenhove, que vive no país há 24 anos, comemorou a vitória da seleção europeia rodeado por amigos brasileiros, em Vila Velha.

Logo aos 12 minutos do primeiro tempo, Bruno, um pouco incrédulo, demorou alguns segundos para comemorar o gol contra marcado por Fernandinho. A Bélgica abria o placar. Aos 30, a seleção belga ampliou a vantagem. Dessa vez, a explosão de alegria foi imediata, contrastando com a tristeza dos amigos brasileiros.

Apesar de a seleção brasileira ter diminuído a vantagem com gol de Renato Augusto no segundo tempo e de ter ameaçado empatar em alguns lances, o resultado foi o que Bruno esperava há mais de duas décadas. “Há 24 anos, eu moro aqui e ouço os brasileiros falarem que belga não sabe jogar, que quem joga é brasileiro. São 24 anos. Finalmente, derrubamos o Brasil. Foi difícil, mas derrotamos.”

A esposa brasileira de Bruno, Lourdes Pereira, diz que torceu muito para o Brasil, mas não está triste pela derrota. “Eu estou alegre porque eu gosto de futebol e desse movimento de Copa. Eu também não podia ficar secando a Bélgica porque eu tenho que voltar para casa.”

O casal afirma que o jogo não muda nada no casamento. “Isso não interfere”, garantiu Bruno. Lourdes acrescenta que, passado o jogo, a rotina já volta ao normal dentro de casa e no trabalho. “Não interfere. A gente tem que voltar para a cozinha. Vamos trabalhar para fazer um evento amanhã. Não podemos levar nada do que aconteceu aqui para a cozinha, senão o tempero vai amargar”, disse a brasileira.

Na próxima terça-feira (10), Bruno Uyttenhoven vai torcer pela Bélgica contra a França na semifinal da Copa do Mundo. Agora, o chef conta, ao menos, com a esposa para reforçar a torcida pelo país dele rumo ao primeiro título mundial.

Ver comentários