Notícia

DML inaugura sala para atendimentos a vítimas de violência sexual

O Departamento Médico Legal realiza cerca de 300 atendimentos por mês de vítimas de violência sexual e 500 de mulheres vítimas de lesão corporal

Sala Lilás DML
Sala Lilás DML
Foto: Divulgação Sesp

O Departamento Médico Legal (DML) de Vitória inaugurou nesta sexta-feira (21) uma sala exclusiva para o atendimento de mulheres, crianças e a adolescentes vítimas de violência sexual e doméstica. Na Sala Lilás, as vítimas passam por atendimento médico e psicológico de forma reservada.

O local conta com salas de espera, acolhimento e exames. Todos os ambientes possuem brinquedos. De acordo com o diretor do DML, Wanderson Lugão.

“Agora o atendimento será feito por uma equipe multidisciplinar, composta por médicos, enfermeiras, assistente social e psicólogo. Vamos dar um atendimento mais humanizado para essas vítimas de violência sexual, doméstica ou de lesão corporal”, contou.

Até esta sexta, Lugão explicou que as vítimas não passavam por atendimento psicológico e de assistentes sociais, apenas com o médico. Além disso, como não havia uma área reservada, em muitos casos a vítima ficava na recepção ao lado do agressor.

O DML realiza cerca de 300 atendimentos por mês de vítimas de violência sexual e 500 de mulheres vítimas de lesão corporal.

O secretário de Segurança Pública, Nylton Rodrigues, destaca que a partir de agora o atendimento às vítimas terá mais dignidade. Ele destacou também que uma mulher irá fazer o atendimento psicológico e médico às vítimas.

Ver comentários