Notícia

Franquias dão suporte e segurança ao empreendedor

Até 2021, o grupo capixaba Dadalto planeja abrir 25 lojas franqueadas

Quando o assunto é empreender, trabalhar com a franquia de uma marca consolidada pode ser a alternativa mais segura, já que o perfil empreendedor e o capital para investir nem sempre são suficientes para alcançar o sucesso na abertura do próprio negócio. Por isso, o suporte de uma grande marca é uma boa opção para quem quer conquistar uma fatia do mercado consumidor.

Loja Dadalto Casa é inaugurada em Guarapari
Loja Dadalto Casa é inaugurada em Guarapari
Foto: Dadalto

Prova disso é que o setor de franquias quase não sentiu a crise e, mesmo durante o período de recessão mais intensa, apresentou crescimento, com abertura de novas unidades e geração de empregos. O franchising brasileiro possui mais de 3 mil marcas em segmentos diversos, que vão desde serviços educacionais, varejo e comunicação, até tecnologia. Segundo a Associação Brasileira de Franchising (ABF), o faturamento das franquias cresceu 8% em 2017, superando, pela primeira vez, a faixa dos R$ 160 bilhões. Para efeito de comparação, em 2016, faturou R$ 151 bilhões.

Ainda segundo dados da ABF, a projeção para 2018 é que o crescimento fique entre 9% e 10% em faturamento. O sucesso do setor de franquias também traz reflexos na geração de empregos no Brasil.

Atualmente, elas são responsáveis por empregar 1,2 milhão de pessoas em todo o país. De 2013 a 2017, o setor teve um crescimento de 25% no número de empregados.

Escolher uma empresa que conheça o mercado que atua é um caminho para quem busca um investimento seguro e rentável. “Ao se associar a uma marca consolidada no mercado, o fraqueado encontra suporte total de todas as áreas de abrangência para que seu negócio seja um sucesso, desde a área comercial, marketing e tecnologia de informação, passando pela operação de loja, até as áreas tributárias, de recursos humanos e contábil”, explica o gerente de operações da Dadalto, Luciano Sabatini.

Capixaba

O grupo capixaba Dadalto planeja abrir 25 lojas franquias até 2021
O grupo capixaba Dadalto planeja abrir 25 lojas franquias até 2021
Foto: Dadalto

O grupo capixaba Dadalto está seguindo a tendência nacional e planeja abrir 25 lojas franquias até 2021, em regiões do Espírito Santo previamente mapeadas. A primeira loja franquia foi inaugurada em Laranjeiras, na Serra, em meados de março. A segunda, no mesmo município, foi aberta no fim de junho, dentro do centro de compras Carone Mall. No início do mês de agosto, foi a vez de Guarapari receber uma loja Dadalto Casa. Com excelente localização e fluxo de público constante, as lojas têm atingido a meta de vendas e oferecido ao cliente uma experiência de compra positiva.

Segundo o gerente de operações da empresa, mais duas franquias da marca serão abertas até o fim de setembro na Grande Vitória. Além disso, outras propostas e negócios vêm sendo trabalhados para que o número de lojas aumente até o fim de 2018.

Franqueado

Quanto ao perfil dos franqueados, a empresa tem exemplos de lojas que começaram do zero, mas também tem experiência com franqueado que decidiu mudar a bandeira de sua loja para uma marca consolidada e viu seu faturamento dobrar.

“A venda média mensal do franqueado começa com faturamento de R$ 160 mil, dependendo do tamanho da loja e do estoque. Amparado pela marca Dadalto, o empreendedor pode ter retorno do investimento em um período entre 25 e 36 meses de atividade e lucro líquido de 8 a 15%”, informa Sabatini.

Outra vantagem da franquia é que ela pode se adaptar ao perfil do investidor. “Nossas franquias têm três modelos de loja: de pequeno, médio e grande porte, com investimentos entre R$ 350 mil e R$ 750 mil, a depender do perfil do franqueado e da praça onde pretende operar”, explica o gerente de operações da Dadalto.

Como abrir uma franquia da Dadalto

O interessado deve acessar o site www.dadalto.com.br/franquia ou enviar e-mail para [email protected]

Outra forma de contato é o telefone (27) 99979-2986.