Notícia

Produtos com até 70% de desconto em Dia D Glória

Promoção mais tradicional do Estado traz roupas femininas, masculinas e infantis, além de acessórios e peças de decoração

Quem é capixaba pode ter uma certeza: já foi, conhece ou vestiu algum produto que teve origem na Glória. E essa fama de bairro com o maior shopping a céu aberto do Estado será potencializada mais uma vez nos dias 6, 8 e 9 de setembro, quando o Polo de Modas do bairro vai realizar a 30ª edição do Dia D Glória.

A liquidação mais tradicional do comércio capixaba, organizada pela Associação dos Comerciantes da Glória (Uniglória), tem expectativa de superar o público de 300 mil pessoas, vindas das diferentes regiões do Estado e do Brasil, como Rio de Janeiro, Bahia, Minas Gerais, São Paulo e Rio Grande do Sul, durante os três dias do evento.

O principal atrativo para os consumidores são os descontos, que podem chegar até 70%. Com participação de vários lojistas, estarão em liquidação peças de vestuário masculino, feminino e infantil, além de acessórios, utilidades domésticas e decoração.

Vantagens

Os preços convidativos para o consumo são irresistíveis até para quem trabalha no comércio do bairro. É comum ver vendedoras visitando lojas vizinhas durante o horário de almoço para fazer as suas comprinhas. São vantagens para todos os lados, como explica Ana Claudia Groberio, conselheira da Uniglória e proprietária da loja de moda feminina Tons.

“Todos saem ganhando com o Dia D Glória. Os comerciantes, que zeram os seus estoques e se preparam para a chegada das novas coleções da próxima estação. E os clientes, que compram produtos de qualidade por preços muito abaixo do mercado”, aponta Ana Cláudia.

Mobilidade

Ao contrário do que ocorreu nas últimas edições do evento, não haverá fechamento das ruas do polo de confecções. Segundo a gestora da Uniglória, a mudança vai facilitar o acesso dos consumidores às principais ruas e vagas de estacionamento.

Vale lembrar que, no sábado (8), a partir das 14h, e, no domingo, durante todo o dia, o estacionamento rotativo nas ruas da Glória fica liberado de cobrança.

O Polo da Glória abriga mais de 1.200 empresas, sendo cerca de 800 lojas do segmento de confecção, e mais da metade de fabricação própria. Em média, são vendidas mais de 1 milhão de peças por mês.

Comércio com muita tradição

Graças ao Polo de Moda, a Glória mudou de cara nos últimos anos. As primeiras lojas se instalaram, nos anos 70, nas ruas Dom Pedro II, Santa Rosa e Avenida Jerônimo Monteiro. “Eram confecções e pequenas lojas de fábrica, que apostavam em vendas por atacado e pronta-entrega para revendedores. Já nos anos 80, houve uma diversificação dos negócios. O foco passava a ser o varejo e o consumidor final”, relembra Vinícius Martinelli, sócio da Detraje, criada há 32 anos. Com o aumento da circulação de pessoas, chegaram os empreendimentos de serviços, como lanchonetes, restaurantes e bancos. “Hoje você encontra de tudo na Glória”, diz o empresário.

Ver comentários