Internautas elegem as melhores comidas de terminais da Grande Vitória

Fome passageira: com a ajuda dos internautas, separamos os melhores quitutes dos terminais de ônibus da Grande Vitória, recheados de boas histórias

Publicado em 23/08/2018 às 20h38

Atualizado em 23/08/2018 às 20h40

especial

Quem acorda cedo para trabalhar ou estudar, cruza a Grande Vitória dentro de um ou mais ônibus, vive na correria para dar conta dos compromissos, sabe o valor de um pão de queijo gostoso quando se sai de casa sem tomar café, ou de uma coxinha quentinha e bem recheada quando a fome aperta no meio do dia. Nessas horas, as comidinhas do terminal salvam! Nós fomos atrás dos quitutes mais gostosos, que confortam a espera enquanto o ônibus não chega, e encontramos delícias de dar água na boca, recheadas de boas histórias.

Recebemos mais de 300 participações de internautas do Gazeta Online dizendo onde estão as melhores comidas de terminal na Grande Vitória. Separamos as melhores para fazer parte das 90 opções de gastronomia, lazer e arte do Estado, em comemoração aos 90 anos da Rede Gazeta.

É o tempero baiano que dá sustância para os capixabas que madrugam no Terminal de Vila Velha para correr atrás de seus sonhos. Sonho, aliás, é a especialidade da casa: o sonho baiano, que tem como diferencial goiabada misturada no recheio. Neliton Nobre de Jesus veio da Bahia para o Espírito Santo em 95 e, desde então, trabalha em terminal de ônibus. Há 11 anos ele ajuda fazer as delícias da lanchonete Koisa Boa, no Terminal de Vila Velha. “Entrei como balconista e hoje sou salgadeiro”, conta orgulhoso.

O sucesso dos quitutes ele divide com Antonio e Cosme, que comandam a cozinha. “Tem baiano, mineiro, capixaba, é a mistura de temperos que deixa tudo mais gostoso”, afirma Neliton.

Neliton, Antônio e Cosme misturam o tempero baiano ao capixaba nos quitutes do Terminal   de Vila Velha e mostram quais são os doces e salgados mais pedidos
Foto:Bernardo Coutinho
Neliton, Antônio e Cosme misturam o tempero baiano ao capixaba nos quitutes do Terminal de Vila Velha e mostram quais são os doces e salgados mais pedidos

O primeiro turno chega às 4h da manhã, já assando pão de queijo e rosca, que têm mais saída no início do dia. “O pão de queijo é uma delícia, grande e saboroso. Sempre compro”, diz a babá Lucimar Cezini, que usa o terminal diariamente.

Na parte da tarde, a pizza especial é a campeã de pedidos. A receita leva frango, catupiry, queijo, presunto, tomate e orégano. Custa R$ 5 a fatia.

Durante todo o dia, os pedidos de sonho baiano não param. “Já comi um de manhã, quando estava indo para o trabalho. Agora estou voltando para casa e vim comprar outro para levar para o meu marido, Felizberto. Se eu não levar, dá briga. Ele já fica esperando. É uma delícia”, conta a auxiliar de cozinha Ana Paula Mascarenhas.

Os terminais de Vila Velha são o mais citado no quesito diversidade de salgados e doces oferecidos.

Eliane Santos com as coxinhas do Terminal de Campo Grande, salgado mais pedido
Foto:Bernardo Coutinho
Eliane Santos com as coxinhas do Terminal de Campo Grande, salgado mais pedido

Cariacica tem a melhor coxinha, no Terminal de Campo Grande. Na loja Garapa, ela tem pontinha crocante, é sequinha e o recheio é farto e bem temperado. A atendente Eliane Cristina trabalha lá há 12 anos e conta que o segredo é a temperatura do óleo e da coxinha na hora de fritar.

Já os melhores pastéis estão nos terminais da Serra, principalmente na pastelaria dos chineses.

Anderson César Ferreira, gerente da Pastelaria China, mostra os pastéis que mais são pedidos pelos clientes no Terminal de Laranjeiras, na Serra
Foto:Bernardo Coutinho
Anderson César Ferreira, gerente da Pastelaria China, mostra os pastéis que mais são pedidos pelos clientes no Terminal de Laranjeiras, na Serra

Confira todas as dicas dos internautas no Facebook do Gazeta Online e a seleção que fizemos:

SERRA

T. Laranjeiras

Pastel

Um dos locais mais citados pelos internautas é a Pastelaria China. “Fica perto da fila de Serra Dourada. O melhor salgado é o pastel de frango com palmito”, afirma a internauta Jheynne Paula. E pastel de queijo com bacon também foi muito elogiado!

Salgados

“Lanchonete Beija Flor e Oficina do Pastel. Salgados Fritos e Assados bem servidos e deliciosos com suco natural, produção diária, tudo fresquinho! Tudo delicioso. Amo o pastel de Bacalhau com palmito e catupiry”, conta Renan Soares.

“Tem os melhores quitutes, além disso tem um ótimo atendimento e higiene”, reforça Gleicy Kelly Ferreira Carvalho. “Tem um empadão maravilhoso, sempre quentinho”, recomenda Tainan Souza.

Empada

“Na lanchonete Sucana recomendo as empadas. São top”, conta Lilia Barbosa.

T. Jacaraípe

Pastel

“A pastelaria chinesa vale a pena. É até difícil escolher qual é mais gostoso”, conta Artenise Duarte

T. Carapina

Pão de queijo

“Amo o pão de queijo do Fred’s Lanches, no terminal de Carapina”, conta Sara Jane.

“O Fred´s Lanches do Terminal de Carapina é o melhor lugar pra comer! Tudo gostoso e produtos do dia!”, concorda Thiara Rocha.

VILA VELHA

 

T. Vila Velha

Salgados e doces

A lanchonete Koisa Boa é a mais citada pela variedade oferecida. Vale a pena experimentar a pizza especial e o sonho baiano - que leva goiabada no recheio. “Tem um pão de queijo ótimo também”, complementa Juliana França.

T. Ibes

Sorvete

“Cestinha de sorvete da lanchonete que tem ao lado do bebedouro, logo ali na entrada. Melhor custo benefício também, já que a cestinha custa uns R$ 3 bem pago”, sugere a internauta Gleid Gasparini.

“Desde criança que tomo sorvete lá! Adoro!”, complementa Larissa Resende de Moraes.

CARIACICA

 

T. Campo Grande

Coxinha

A coxinha da lanchonete Garapa é sequinha e crocante, com recheio farto e bem temperado. “É a melhor coxinha de terminal! Muito gostosa”, afirma Rafael Silva.

Sorvete

“Tem uma lanchonete no fim do terminal q tem sorvete misto de morango com baunilha (casquinha), muito bom”, conta Gabriela Rangel.

“É o sorvete da loja Luiza, expresso artesanal”, afirma Rafael Silva. Custa R$ 2 a casquinha. Quem gosta, pode acrescentar creme de avelã e pagar R$ 3.

Salgados e pão de queijo

“Pão de queijo do terminal Campo Grande não tem pra ninguém”, afirma Jaqueline Bento.

“Vita lanches, além do Salgado ser sempre fresco, novinho, lanchonete limpa com salgado e atendimento de primeira”, afirma Marilza Souza.

T. Itacibá

Coxinha

“Coxinha de frango que vende num caldo de cana no final do terminal”, recomenda Ziel Mendonça.

T. Jardim América

Coxinha

“Lanchonete perto da plataforma do 732, a melhor coxinha que já comi. E olha que de salgado eu entendo”, afirma Luiz Candido

Bolinho de aipim

“No Terminal Jardim América tem bolinho de aipim muito bom”, conta Ani Dutra.

OS MAIS CITADOS

 

Compartilhe



Mais no Gazeta Online