"Suspeitos Na Mira": disco de olho em nova geração do rap capixaba

Pioneiro no Estado, o grupo reeditou "Perigo Iminente", que será lançado durante show no Teatro Carlos Gomes

Publicado em 05/06/2017 às 10h08

Há 24 anos Dudu Du Rap, L Brau, LD Fli e Sagaz formaram o Suspeitos na Mira
Foto:Bruno Miranda/Divulgação
Há 24 anos Dudu Du Rap, L Brau, LD Fli e Sagaz formaram o Suspeitos na Mira

Depois de muito se encontrarem em eventos de rap no final dos anos 1980 e no início da década de 1990, quatro jovens capixabas decidiram se juntar e dar vida ao Suspeitos na Mira, um dos grupos pioneiros do hip hop no Estado.

Quase dez anos depois da formação, já em 2004, Edson Sagaz, Dudu Du Rap, L. Brau e o DJ LD Fli lançaram “Perigo Iminente”, álbum reeditado recentemente, com lançamento marcado para o próximo sábado, dia 3, em show no Teatro Carlos Gomes, no Centro, em Vitória. O evento terá ainda intervenções artísticas, além da presença de grupos de break e grafiteiros.

A versão original do disco incluiu o Espírito Santo no cenário do rap nacional. O Suspeitos na Mira chegou a levar o trabalho para o palco do Hutúz, principal premiação do gênero à época.

A ideia da reedição, segundo Edson Sagaz, surgiu com o objetivo de celebrar os 24 anos do quarteto e também para apresentar o álbum para a nova geração do rap, em crescente ascensão no Estado.

“Como já estamos adiantados com outras produções, quisemos resgatar esse produto. A cultura vai se reformulando, a rapaziada que chega agora não conhece esse CD. A intenção foi colocar algo com uma cara nova na pista”, destaca.

Apesar de ter sido produzido há mais de uma década, o disco traz letras atuais, que abordam questões sociais como o racismo e a realidade das periferias capixabas. “Infelizmente é um trabalho atual, já que os problemas ainda são os mesmos. O hip hop passou por uma transformação, mas a temática se manteve”, diz Sagaz.

A nova versão ganhou seis bases diferentes e uma faixa bônus. Além disso, as músicas ganharam também uma nova ordem.

Para Sagaz, na correria do rap há mais de 30 anos, a apresentação em um ambiente histórico com o do Carlos Gomes traz um novo fôlego aos veteranos, que já passaram pelos mais diversos palcos.

“Temos uma carga de experiência de palcos populares. Costumo dizer que já usamos caixote de lixo como palco, já subimos em mesa de bilhar para cantar. Fazer o show no teatro com essa maturidade nos renova”, conclui.

Perigo Iminente

Suspeitos Na Mira. Independente, 21 faixas. Quanto: R$ 10. À venda no Espaço Hip Hop e na Casa da Barão, no Centro de Vitória. Show de lançamento: neste sábado (3), a partir das 18h, no Teatro Carlos Gomes (Praça Costa Pereira, Centro, Vitória). Ingressos: R$ 10 (inteira), direto na bilheteria. Informações: (27) 3035-0357.

Compartilhe



Mais no Gazeta Online