Notícia

Rodrigo Santos é mais um a deixar Barão Vermelho

Baixista da banda por 25 anos, músico alega incompatibilidade de agenda para deixar grupo que o consagrou

Banda Barão Vermelho com formação clássica
Banda Barão Vermelho com formação clássica
Foto: Divulgação

Rodrigo Santos, baixista do Barão Vermelho, anunciou sua saída da banda depois de 25 anos. Em comunicado oficial, o músico alega "incompatibilidade de agenda" e diz que quer se dedicar integralmente à carreira solo.

"Fiz o último show em Curitiba no dia 10 de novembro e foi um grande show, emocionante. Sentirei saudades de todos esses caras fantásticos, a quem amo tanto", disse o músico, desejando sucesso aos ex-colegas.

No começo do ano, Roberto Frejat, fundador do grupo e líder da banda desde 1985, quando Cazuza saiu em carreira solo, também deixou o Barão. O músico foi substituído por Rodrigo Suricato. Além de Suricato, seguem na banda Guto Goffi e Maurício Barros, da formação original, e Fernando Magalhçaes, que se juntou ao grupo em 1985.

Os integrantes remanescentes já estão fazendo ensaios para escolher o novo baixista que os acompanhará na turnê, além de estarem preparando um álbum de inéditas, previsto para o primeiro semestre de 2018.

 

 

Ver comentários