Quatro décadas de puro amor com a banda Roupa Nova

Às vésperas de completar 40 anos, sexteto apresenta novo show na Serra com promessa de muitas novidades e canções inéditas

Publicado em 30/08/2018 às 11h22

Atualizado em 30/08/2018 às 11h27

Foto: Giu Pera/Divulgação
Banda ainda mantém formação original

São quase 40 anos de estrada com a mesma formação sem nunca ter caído no esquecimento do público. Cleberson, Feghali, Kiko, Nando, Paulinho e Serginho nunca saíram de moda com o Roupa Nova. De volta ao Espírito Santo para se apresentar no dia 1º de setembro, na Serra, o grupo promete um novo show, com cenário, repertório e músicas inéditas.

As canções fazem parte do novo projeto da banda, intitulado “Novas do Roupa”, que já teve três faixas divulgadas recentemente nas plataformas digitais e será lançado por completo em breve, com 12 músicas inéditas.

“Queda de Braço”, “Luzes de Emergência” e “Seja Bem Vindo (o amor)” são as novidades lançadas pelo grupo. O novo projeto terá ainda a participação da mexicana Maite Perroni, ex-RBD, na música “Destino ou Casualidade” e do cantor Luan Santana no reggae “Amor Sob Medida”.

São 37 álbuns lançados, mais de 20 milhões de cópias vendidas e vários hits, muitos deles impulsionados pelas trilhas sonoras de novelas. Eles já conquistaram Grammy Latino, lançaram o seu próprio selo, o Roupa Nova Music, e lançaram um DVD em alto mar a bordo de um transatlântico. Ao longo da mais do sólida carreira do grupo, o grupo embalou vários casais que não se cansam de ouvir o sexteto e dançar ao som dele.

Eles, claro, querem é que isso se repita noite após noite, ano após ano.. Em entrevista ao Divirta-se, Paulinho conta quais sucessos não podem faltar e explica que desta vez a banda será desfalcada por Kiko, que se recupera de uma cirurgia de emergência no coração. 

Vocês tocam com frequência aqui no Espírito Santo. Como será o show desta vez? Como fazer o público retornar?

Normalmente nos apresentamos aí uma ou duas vezes por ano. O show de agora é novo, mudamos o cenário, o repertório... Tem música inédita que faz parte do nosso novo projeto.

O Kiko vai se apresentar com vocês ou ainda está se recuperando da cirurgia?

Ainda não, ele está se recuperando em casa e deve voltar logo.

Por que acham que o Roupa Nova nunca sai de moda?

A nossa música é atemporal, todas elas que cantávamos há 40 anos, ainda hoje mexem com as pessoas. A gente fala de amor e o amor nunca sai de moda.

Quais sucessos não podem faltar em nenhum show da banda?

São vários... Mas vou destacar três: “Dona”, “Linda Demais” e “Coração Pirata”.

Depois de tanto tempo com a mesma formação, vocês planejam parar ou nem fazem planos?

Estamos quase em quatro décadas já e não pensamos em parar. É o que amamos fazer e enquanto tivermos força pra isso, vamos continuar.

Vocês recentemente gravaram com a Maite Perroni, ex-RBD. Por que decidiram fazer essa parceria?

Tínhamos a versão de uma música e queríamos um artista que cantasse em espanhol e topasse participar com a gente. A Maite é uma das principais cantoras hoje e uma das mexicanas de maior influência. Fizemos o convite a ela e ficamos muito felizes que ela tenha aceitado estar com a gente. A canção ficou lindíssima, aguardem!

Quais momentos vocês consideram os mais marcantes nesse quase 40 anos de carreira?

Todos os momentos são importantes pra nós. Da primeira música, do primeiro show aos dias de hoje. Cada lugar por que passamos é uma emoção diferente, novas pessoas admirando nosso trabalho. Só podemos agradecer.

Roupa Nova

Quando: Dia 1º de setembro.

Onde: Steffen Centro de Eventos. Rodovia ES 010, km 4, Jardim Limoeiro, Serra.

Ingressos: R$ 200,00 (1º lote/ valor único. Open bar e open food). Assinantes de A GAZETA têm 15% de desconto. Ingressos à venda no Steffen Centro de Eventos, Jaklayne Joias e site do Blueticket.

Informações: 3338-3009 e 98132-3232.

Compartilhe



Mais no Gazeta Online