Mostra de cinema comemora 115 anos da antiga estação de Cachoeiro

1ª edição da Mostra de cinema 'Pare, olhe, escute' acontece em outubro com curtas nacionais e um estrangeiro

Publicado em 13/09/2018 às 17h03

Atualizado em 13/09/2018 às 17h06

Museu Ferroviário de Cachoeiro de Itapemirim
Foto:Divulgação
Museu Ferroviário de Cachoeiro de Itapemirim

O Museu Ferroviário Domingos Lage, em Cachoeiro de Itapemirim, comemora os 115 anos da antiga estação de trem onde o mesmo está localizado e prepara uma programação especial para os festejos. Nela, está a primeira edição da mostra de cinema "Pare, Olhe e Escute", que acontece nos dias 12 e 13 de outubro e já tem os filmes selecionados para exibição. .

Entre os mais de 60 curtas inscritos, 13 obras nacionais e uma estrangeira foram selecionadas pela organização da mostra. Dos nacionais, dois filmes são capixabas. As películas trazem assuntos diversos, mas o trem representa, de forma sutil ou direta, um elemento significativo nas histórias contadas.

Eles vão disputar o Troféu Luz e prêmios em dinheiro. Os filmes serão avaliados por um júri misto, composto por profissionais da área do audiovisual e de áreas ligadas à arte e à literatura.

O campeão levará o Troféu Luz (criação do artista plástico Bruno Salvador, exclusiva para o evento) e R$ 1 mil em espécie. Para o segundo colocado, o prêmio é R$ 900. Para o terceiro, R$ 800.

Além dos filmes de curta-metragem da mostra competitiva, serão exibidos curtas e longas, fora da competição. Os longas confirmados são: "O filme da minha vida”, de Selton Mello, que foi lançado no ano passado, e "Viola Perpétua", de Mário de Almeida, que faz sua estreia em um festival.

Confira abaixo as produções selecionadas:

- 120 segundos, de Rafael Cruz, Holanda

- A bordo, de Davi Mello, SP

- A luta, de Bruno Bennec, MG

- Camelôs, de Milena Manfredini, RJ

- Contos ferroviários, de Everton Villaron de Souza, MG

- Estranha criatura, de Rosângela Iglesias Pereira, MG

- Larfiagem, de Gabi Bressola, SC

- Lindeiras, de Bruno Saphira, BA

- Não me deixe aqui sozinha, de Maroz Gomez, ES

- O trem do amor, de Vanda Berger, ES

- Painho e o trem, de Mery Lemos, PE

- Paralelas de aço, de Rachid Waqued, MS

- Pare, olhe, escute, de Carlos Augusto e Zé, RJ

- Sobre dormentes, estamos acordadas, de Facção Feminista Cineclube, RJ

Serviço

Mostra: Pare, olhe, escute

Quando: 12 e 13 de outubro

Onde: antiga estação ferroviária de Cachoeiro de Itapemirim - R. Cel. Francisco de Braga, 71, Guandú, Cachoeiro de Itapemirim

Entrada franca

Compartilhe



Mais no Gazeta Online