40 anos de Festa da Polenta: veja o que mudou

Festa acontece em Venda Nova do Imigrante com gastronomia e muitas atrações musicais

Publicado em 10/10/2018 às 15h49

Atualizado em 10/10/2018 às 19h25

Era 1979, quando a Festa da Polenta, tradicional já no calendário de eventos do Espírito Santo, ensaiava ser a maior celebração da cultura italiana no Estado. Na ocasião, o encontro reuniu não mais que 150 pessoas que se juntaram para beber vinho acompanhado de polenta. Com o passar dos anos, a festa foi tomando fama e, com isso, a cada ano, mais pessoas queriam participar do evento. 

> Festa da Polenta 2018 comemora 40 anos com Luan Santana e Gusttavo Lima

Hoje, a Festa da Polenta atrai milhares de turistas, movimenta a economia da região de Venda Nova do Imigrante, e promove shows com artistas nacionais. Além disso, já vende até cinco mil garrafas de vinho e é responsável por produzir mais que 20 toneladas de polenta. 

A cada ano é mais gente que vem nos visitar, mais famílias que prestigiam o evento. E é nítido que cada vez mais as pessoas, tanto daqui como de fora, levam mais a sério o grande objetivo da festa, que é valorizar a cultura italiana
Camilo Meneguetti, presidente da Associação Festa da Polenta (Afepol)

Para resgatar a memória da festa e sua trajetória até os dias de hoje, o Gazeta Online fez um levantamento que revela, desde a criação do evento, o quanto ele evoluiu. Confira: 

MEMÓRIA

1979

Nasce a Festa da Polenta, que aconteceu na Igreja de Venda Nova do Imigrante e reuniu cerca de 150 pessoas. Na ocasião, foi um encontro de famílias da cidade. Foram servidos pratos típicos e polenta

1980

No ano seguinte, o evento já passou a acontecer no pátio do Colégio Salesiano, atual Colégio Fioravante Caliman. Nesta segunda edição aconteceu a missa com a participação do Coral Santa Cecília

1991

Nesse ano nasce a Associação da Festa da Polenta (Afepol). Nesse momento, foram feitas assembleias para ser decidido o presidente da associação. O primeiro a coordenar a festa foi o padre Cleto Caliman, seguido de seu sobrinho Sávio Caliman, mas o primeiro presidente eleito foi Alberto Falcheto.

Ainda em 1991 foi criado o Concurso Rainha e Princesas da Festa da Polenta. Nesse concurso, as competidores são eleitas de acordo com sua beleza e engajamento com a causa da cultura italiana. A primeira rainha foi Andressa Sossai e as princesas foram Wanda Comarela e Alzenira Minete

As primeiras rinha e princesas da Festa da Polenta: Andressa Sossai, Wandra Comarela e Alzenira Minete
Foto:Afepol/Divulgação
As primeiras rinha e princesas da Festa da Polenta: Andressa Sossai, Wandra Comarela e Alzenira Minete

2004

Nasce o tombo da polenta. Antes era feito como uma brincadeira, mas a partir desta data se tornou um dos pontos altos do evento. O panelão em que é feita a iguaria é uma réplica perfeita das panelas usadas pelos primeiros imigrantes italianos

2007

Foi criado o "panelaço". O que também era uma brincadeira se tornou tradição. No último domingo de festa, toda a equipe da cozinha e organização bate tampas de panela para sinalizar que tudo deu certo

"Panelaço" durante o evento: tradição da Festa da Polenta sinaliza que tudo na cozinha correu como o previsto
Foto:Afepol/Divulgação
"Panelaço" durante o evento: tradição da Festa da Polenta sinaliza que tudo na cozinha correu como o previsto

2009

Precisando de mais visibilidade, chamando cada vez mais turistas e pessoas que cruzavam por Venda Nova, a organização passou a estender uma faixa escrito "Festa da Polenta" na BR 262, um pouco antes de se chegar à cidade

2017

Em 2017, essa faixa passou a ser iluminada, chamando atenção até à noite

Faixa da Festa da Polenta na BR 262 iluminada à noite
Foto:Afepol/Divulgação
Faixa da Festa da Polenta na BR 262 iluminada à noite

PROGRAMAÇÃO

SEXTA-FEIRA (12)

21h – Abertura da 40º Festa da Polenta

21h30 – Eleição da 28º Rainha da Festa da Polenta

23h30 – Show com New Place Band

SÁBADO (13)

10h – Desfile tradicional das famílias de Venda Nova do Imigrante

11h – Almoço Típico

11h – Show com Toni Boni

13h30 – Apresentação de dança com Dei Bambini

14h – Show com Deco Dalponte

15h – Tombo da Polenta

17h – Pausa Técnica

20h – Show com Uz Anônimos

22h – Show com Ragazzi dei Monti

00h – Show Nacional com Luan Santana

02h – Show com a Banda Badallados

DOMINGO (14)

09h – Missa na Igreja Matriz

11h – Almoço Típico

11h – Show com Leandro Bellumat

13h – Apresentação do coral Sol da Manhã

13h30 – Apresentação de dança com Granello Giallo

14h20 – Show com Ragazzi dei Monti

16h – Tombo da Polenta

16h30 – Apresentação de dança com Sempre Avanti

17:00h – Apresentação de dança com Blumen der Erde Volkstanzgruppe

17h30 – Show com Deco Dalponte

19h30 – Show com a Banda Groove

QUINTA-FEIRA (18)

19h30 – Show com Ragazzi dei Monti e Tombo da Polenta

21h30 – Show com a Banda Rastelo

SEXTA-FEIRA (19)

20h – Show com Toni Boni

22h – Show com Saulo Simonassi

00h – Show com Dom Américo e seus Comparsas

SÁBADO (20)

10h – Desfile Cultural Italiano

11h – Almoço Típico

11h – Show com Brasitalia

13h30 – Apresentação de dança com Dei Bambini

14h – Show com Toni Boni

15h – Tombo da Polenta

17h – Pausa Técnica

20h – Show com a Banda Moustache

22h – Show com Ragazzi dei Monti

00h – Show Nacional com Gusttavo Lima

02h – Show com a Banda Black Set

DOMINGO (21)

09h – Missa na Igreja Matriz

11h – Almoço Típico

11h – Show com Mirano Schuler

13h – Apresentação do coral Sol da Manhã

13h30 – Apresentação de dança com Granello Giallo

14h20 – Show com Ragazzi dei Monti

16h – Tombo da Polenta

16h30 – Apresentação de dança com Sempre Avanti

17h – Show com Toni Boni

19h – Show com Marcos e Willian

SERVIÇO

40ª Festa da Polenta

Local: Polentão - Centro de Eventos Padre Cleto Caliman (Av. Pedro Minete, 59, Venda Nova do Imigrante)

Data: de 12, 13, 14 e 18 a 21 de outubro

Ingressos: de R$ 10 a R$ 70 - Vendas por meio do superticket.com.br

Mais informações: (28) 3546-2112

@@@

Compartilhe



Mais no Gazeta Online