Capixaba Romulo Felippe lança o romance "O Farol e a Tempestade"

Conhecido por seus livros de fantasia medieval como o "Monge Guerreiro", cachoeirense fala sobre amor em seu novo romance

Publicado em 25/04/2019 às 12h10

Atualizado em 25/04/2019 às 13h12

Romulo Felippe fechou contrato de uma década com grande editora
Foto:Érika Medeiros/ Divulgação
Romulo Felippe fechou contrato de uma década com grande editora

Autor experiente e com obras publicadas na Europa, nos EUA e no Brasil, o capixaba Romulo Felippe decidiu aventurar-se pela primeira vez no universo dos romances. Seu novo livro “O Farol e a Tempestade”, que será lançado no dia 27 de abril , às 17h, na livraria Saraiva do Shopping Vitória, exalta o amor e traz uma homenagem à sua esposa, Svetlana Bertolo Felippe.

Conhecido por seu trabalho com literatura “capa e espada”, Romulo teve seu livro “O Monge Guerreiro” eleito o melhor de 2017 por leitores do site “Reino dos Livros”. Ao lado da esposa, ele também apresentou a websérie “Caçadores de Castelos” do Gazeta Online, na qual percorria castelos na Europa.

A paixão por castelos agora ficou de lado – Romulo decidiu ambientar sue novo livro em uma ilha deserta no Caribe.

“Eu venho da escola da fantasia medieval (vamos chamar assim) e queria muito prestar homenagem à minha esposa, que considero um farol na minha vida. Achei desafiador escrever sobre amor porque é fácil levar o leitor a crer que os personagens estão empunhando uma espada em uma batalha, mas quando transita no campo das coisas do coração, você está contando uma história pra quem é especialista, todo leitor conhece o amor”, explica Romulo.

O enredo conta a história do escritor best-seller Sam Jones, que decide viver isolado em uma ilha de Farethon, no Atlântico Norte, e da fotógrafa Anne Crawford, que após um acidente aéreo é salva por Sam. Na ilha, que tem um grande e secular farol como pano de fundo, Anne vai transformar a vida de Sam.

“Eu realmente tinha que me colocar um pouco no papel do protagonista, sentir suas dores, seus receios. O Sam perdeu as coisas que mais amava na vida e na ilha ele não vive, apenas vê o tempo passando, mergulhado na escuridão e na tristeza. Mas esse encontro inesperado de duas almas dilaceradas e sem esperança, acaba se tornando uma reconstrução de vidas”, reflete.

HOMENAGEM

O livro não conta a história do romance de Romulo e Svetlana, mas tem gotículas do relacionamento do casal espalhadas pela obra, como o vinho de Chianti, preferido da esposa, e o caminhar de mãos dadas ao por do sol. Assim como acontece em “O Farol e a Tempestade”, a chegada da esposa transformou o autor e trouxe luz à sua vida.

As aquarelas da espanhola Paloma Montero, famosa pela sua pintura de faróis marítimos, e do paulista Sérgio Rossoni ilustram o romance e dão vida ao projeto. Já a capa traz uma imagem clicada sob encomenda pelo fotógrafo americano Miles Morgan.

Muito além do livro, Romulo quer levar o seu farol para fora das páginas do romance e iluminar o caminho de outras pessoas. Por isso, criou a campanha humanitária “#queroserfarol”.

“Essa campanha transcende muito o livro porque é algo que imaginamos de forma mais ampla. Nós de alguma forma queremos ser luz para as pessoas que nos cercam, ser um ombro amigo, dar conselho. Talvez a gente não possa mudar o mundo, mas possa guiar outras pessoas para a luz”, diz.

PROJETOS

Romulo tem um contrato de uma década com a editora paulista Novo Conceito para publicar um livro por ano. Neste ano ele ainda lança outros dois livros, “Pássaros Negros na Neve”, um drama com viés romântico que vai retratar a Segunda Guerra no extremo norte da Itália, e um outro projeto, ainda mantido em segredo, que será lançado na Europa.

“Até o ano passado eu era um autor que escrevia por prazer. Continuo fazendo isso, mas hoje, por questões contratuais, tenho minhas obrigações. Ainda tenho prazer e é bom saber q estou em uma editora grande, com uma equipe de apoio. Me sinto imensamente honrado em ter esse apoio principalmente morando em um país em que infelizmente a literatura ainda tem muito a crescer. Somos um dos países que menos lê no mundo, quando um autor brasileiro tem essa chance de fechar um contrato longínquo, me sinto honrado e com muito gás”, orgulha-se.

CONFIRA

Livro "O Farol e a Tempestade"
Foto:Editora Novo Conceito
Livro "O Farol e a Tempestade"

 

 

O Farol e a Tempestade. Romulo Felippe. Novo Conceito, 306 páginas. Quanto: R$ 39,90. Lançamento no dia 27 de abril, às 17h, na Saraiva do Shopping Vitória.

Compartilhe



Mais no Gazeta Online