Crônica de Rubem Braga é tema de peça em cartaz no ES

O espetáculo "A Casa Viaja no Tempo" leva o trabalho do escritor capixaba para o Palácio Sonia Cabral no próximo fim de semana. Os ingressos variam entre R$ 10 e R$ 20

Publicado em 14/08/2019 às 10h11

O aniversário de 36 anos do Grupo Teatral Gota, Pó e Poeira será comemorado em Vitória neste final de semana. Nos dias 16, 17 e 18 de agosto, o Palácio Sônia Cabral vai receber a peça “A Casa Viaja no Tempo”, inspirada nas crônicas de Rubem Braga, com direção de Carlos Ola. Será a estreia da peça na Capital.

Espetáculo "A Casa viaja no tempo"
Foto:Divulgação
Espetáculo "A Casa viaja no tempo"

Além do espetáculo, o grupo traz uma exposição fotográfica que narra períodos da trajetória da trupe criada em Guaçuí, Caparaó Capixaba, no dia 15 de agosto de 1983. “A Casa Viaja no Tempo” aborda sete histórias do escritor capixaba Rubem Braga. A trama é ambientada em uma pensão, onde os conflitos das personagens são expostos e os sentimentos revelados.

O diretor do espetáculo, Carlos Ola, destaca que a peça traz cenas do cotidiano que se intercalam com comentários do cronista. “É um trabalho bem lírico, que mexe com o cotidiano porque são crônicas. É um trabalho que está interligado, pois estamos contando uma história com alguns fatos reais e outros personagens dele fictícios. Quem for assistir vai ver um belo trabalho”, revela o diretor.

> Quer receber todas as novidades de cultura e entretenimento do ES? CLIQUE AQUI e participe do grupo de Whatsapp do Divirta-se

EXPOSIÇÃO FOTOGRÁFICA

Recortes da história do grupo foram produzidos pelas lentes do fotógrafo paranaense Eder Gaioski. Ele acompanha o grupo há quatro anos durante apresentações do Gota, Pó e Poeira nas ruas e nos palcos do Paraná.

“O fotógrafo reuniu todo esse material produzido ao longo de quatro anos, editou um livro e fez uma exposição fotográfica. Essa exposição, inclusive, fez parte do Festival Nacional de Teatro, em Guaçuí, e também em Curitiba”, conta o diretor.

HISTÓRIA DO GRUPO

Ao longo de 36 anos de trajetória, o Grupo Teatral Gota, Pó e Poeira já participou de festivais em todo o Brasil. O diretor Carlos Ola destaca que o grupo é o organizador do Festival Nacional de Teatro de Guaçuí, realizado anualmente há 20 anos no Caparaó Capixaba.

Vitória recebe Espetáculo "A Casa viaja no tempo"
Foto:Divulgação
Vitória recebe Espetáculo "A Casa viaja no tempo"

“Assim que o Teatro Fernando Torres ficou pronto em Guaçuí, nós precisávamos de um evento que levasse o público para o teatro e discutisse as artes cênicas da região. No primeiro ano de festival, trabalhamos com nove espetáculos, no seguinte foram 15. Hoje, temos a média de 17 a 20 espetáculos.”

“A Casa Viaja no Tempo” conta com 10 atores e tem duração de 50 minutos. “Talvez sejamos o grupo de teatro capixaba mais antigo em atividade. Fazer essa temporada em Vitória é um motivo de alegria e comemoração para todos nós.”

Compartilhe



Mais no Gazeta Online