Aline Barros é condenada a pagar R$ 200 mil a ex-funcionária

Cantora gospel não pagava as comissões do shows, diz a antiga assistente

Publicado em 27/08/2018 às 16h15

Atualizado em 27/08/2018 às 16h19

Aline Barros
Foto: Divulgação
Aline Barros

Aline Barros terá que colocar a mão no bolso. A cantora gospel deverá indenizar uma ex-assistente em R$ 200 mil. Segundo Leo dias, a antiga assistente não recebeu as comissões de shows e trabalhos feitos por Aline. O processo pode ser consultado através do número 0100337-23.2016.5.01.0021.

De acordo com o colunista, a artista tenta se esquivar da obrigação judicial. "O juiz da 21ª Vara do Trabalho determinou que Aline pagasse a quantia, mas a cantora tem oferecido crédito à ex-assistente em ações do marido Gilmar contra o Botafogo, time em que ele jogou", disse Leo Dias na publicação.

Leia também

 

 

Compartilhe



Mais no Gazeta Online