Com "festa" de Lulu Santos, capixaba passa de fase no "The Voice"

Tamires é a 3ª capixaba que aparece nesta edição do programa

Publicado em 10/08/2018 às 11h18

Tamires Braga. de 25 anos, é a 3ª capixaba aprovada no reality da Globo nesta edição; audições às cegas acabaram nesta quinta (9)
Foto:Reprodução/TV Globo
Tamires Braga. de 25 anos, é a 3ª capixaba aprovada no reality da Globo nesta edição; audições às cegas acabaram nesta quinta (9)

Lulu Santos foi o único a virar a cadeira para a capixaba Tamires Braga, de 25 anos, que se apresentou no "The Voice Brasil" na noite desta quinta-feira (9) - último dia, inclusive, de audições às cegas. Logo que acabou de cantar "Alô! Alô! Marciano", de Rita Lee, a plateia comemorou o fato de o técnico ter selecionado a cantora. "Pega ela, Lulu", gritou alguém. Em seguida, o cantor se levantou e começou a dançar ao som de uma música que compôs na hora, com ritmo de funk.

Tamires, que hoje mora em São Paulo e faz parte de uma banda de lá, já teve que desistir da música antes por causa de uma fenda nas cordas vocais que ela enfrentou há alguns anos. "Depois é que eu decidi me mudar para São Paulo e decidi acreditar em mim de novo, investir de novo... E hoje eu estou aqui", comemorou ela, que foi interrompida por Lulu para elogiá-la: "Eu só virei no final para ter certeza de que eu não virei por simpatia da canção, que é tão especial. Eu mesmo cantei essa música no meu último álbum e você fez um serviço maravilhoso, tem uma personalidade forte, tem uma limpidez no agudo... Sua voz tem qualidades inegáveis".

Ivete Sangalo, que já estava com seu time de 18 vozes completo nesse ponto do programa, também elogiou a capixaba: "A gente ouviu uma música cantada por você de uma outra maneira, a mesma música que uma diva já cantou".

"SE FOR PRA JUDIAR", ZEZÉ DI CAMARGO E LUCIANO

Edson Carlos, de 32 anos, saiu de Vitória, no Espírito Santo, para dominar a cena do palco do "The Voice Brasil", na noite do dia 26 de julho, uma quinta-feira. O capixaba, que foi o primeiro a aparecer nesta edição do programa da TV Globo, cantou "Se For Pra Judiar", de Zezé Di Camargo e Luciano, e fez Ivete Sangalo e Carlinhos Brown virarem as cadeiras. O baiano, inclusive, usou o botão do bloqueio para tirar Michel Teló da disputa pela voz.

Com música de Zezé Di Camargo, capixaba Edson Calos passa de fase no "The Voice"
Foto:Reprodução/TV Globo
Com música de Zezé Di Camargo, capixaba Edson Calos passa de fase no "The Voice"

"Eu acho injusto um negócio desse", brincou Teló, pouco antes de Brown revelar que foi ele quem havia bolado o plano. "O cara é muito bom, ele está cantando em um estilo que é próximo ao teu. Esse botão só tem graça bloquear quando o cara quer muito o candidato", justificou Carlinhos.

O capixaba, então, ficou com a tarefa de escolher para qual time iria querer ir: "Pois é... Eu queria o Teló, mas infelizmente ele abandonou". Ivete, em seguida, respondeu: "Olha lá o que vai dizer, Edson. 'Eu queria o Teló, mas só sobrou esses dois fuleiros", brincou. Por fim, ele escolheu a baiana para treiná-lo para as próximas fases.

"ESSE TAL DE ROCK ENROW", RITA LEE

Segunda capixaba selecionada para seguir as fases do reality musical da Globo, Tamara Angel, que nasceu em Cachoeiro de Itapemirim, mas também vive em São Paulo atualmente, se apresentou na noite do dia 2 de agosto, uma quinta-feira. Para ela, apenas Lulu Santos virou a cadeira, ao som de "Esse Tal de Rock Enrow", de Rita Lee.

Assim que terminou a apresentação, Lulu destacou que garantiu a candidata antes que alguém o bloqueasse. "Chegou de Rita Lee, chegou bem. Muito anjo você. Você tem uma energia forte à beça e fez uma música da Rita do seu jeito... Um jeito de cantar de quem gosta do que está fazendo", disse.

A menina fez seu primeiro show aos 15 anos, como cover de Avril Lavigne. Depois que se mudou para São Paulo, a cantora fez curso de produção musical e começou a se apresentar em bares, além de ter tocado para mais de três milhões de pessoas no encerramento da Parada LGBT de São Paulo. Hoje, com 27 anos, ela se dedica a aulas de guitarra e tem um CD autoral já lançado.

 

 

Compartilhe



Mais no Gazeta Online