Shawn Mendes diz não fumar maconha há meses e critica comentários

Cantor também voltou a falar sobre sexualidade em entrevista

Publicado em 10/04/2019 às 15h52

10/04/2019 - Shawn Mendes em campanha da Calvin Klein
Foto:Reprodução/Instagram
10/04/2019 - Shawn Mendes em campanha da Calvin Klein

O cantor Shawn Mendes voltou a falar sobre a vez em que revelou gostar de usar maconha, algo que se arrependeu posteriormente por conta da repercussão entre os fãs.

Atualmente, ele está há mais de três meses sem fumar, mas diz que tem apenas 20 anos e que "só quer se divertir". "O que eu não quero fazer é viver o resto da minha vida pensando: 'Eu não faria isso porque sou conhecido como o Príncipe Encantado'. No segundo em que alguém coloca você em uma personalidade, você não quer mais ser essa pessoa", disse em entrevista à Observer, revista do jornal britânico The Guardian.

>> Shawn Mendes fará 2 shows no Brasil em 2019; ingressos chegam a R$ 1.000

 

 

 

 

 

 

Visualizar esta foto no Instagram.

Thank you @obsmagazine x

Uma publicação compartilhada por Shawn Mendes (@shawnmendes) em

SEXUALIDADE

Mendes também comentou sobre as especulações em cima de sua sexualidade, e disse que fica "com raiva quando as pessoas tiram suas próprias conclusões sobre mim porque eu creio que há pessoas que não têm o sistema de apoio que eu tenho e que esse tipo de coisa deve afetá-las".

Leia também

"Quando fazem comentários estúpidos sobre mim, podem magoar tantas outras pessoas. Elas podem não estar falando, mas estão ouvindo." O cantor já havia dito que

não era gay

, mas que isso "não deveria fazer diferença".

O cantor confirmou que também continua seguindo regras suas impostas desde o início da carreira, como nunca recusar uma selfie.

Nas redes, também costuma acompanhar o que falam sobre sua carreira e vida pessoal. "As últimas 48 horas foram tão desgastantes, apenas lendo o que as pessoas estão dizendo sobre mim [nas mídias sociais]. Há algo na natureza do ser humano que faz você querer ler. Estou com medo das mídias sociais e do quanto isso me afeta. Não é que eu seja vaidoso, mas eu passo muito tempo lendo sobre mim", disse.

Compartilhe



Mais no Gazeta Online