Lucas Lucco lança DVD e diz que vive fase madura da carreira

"A maturidade desses seis anos me ajuda a mostrar essa etapa da minha vida", justifica

Publicado em 27/05/2019 às 08h33

Foto:Marcel Bianchi

Gravado recentemente em Goiânia (GO), o DVD de Lucas Lucco, 28, de nome "A Origem", tem 19 músicas inéditas e várias parcerias. O novo projeto revela uma fase mais madura da carreira do artista, como ele mesmo define.

"A maturidade desses seis anos me ajuda a mostrar essa etapa da minha vida. Hoje consigo expressar a minha gratidão por meio desse DVD. Fiquei dois meses em Goiânia fazendo composições e audições. Sou de Patrocínio (MG), mas foi nessa cidade que tudo começou, por isso o nome 'A Origem'", afirma Lucco.

O trabalho, segundo ele, é uma forma de se reinventar. Por isso o disco conta com parcerias de artistas de peso de outros ritmos em uma verdadeira mistura musical. O sertanejo se mescla ao funk de Kevinho, em "Maliciosamente", ao axé de Léo Santana, com "Tadim de Mim", e à calmaria do padre Fábio de Melo, em "Calor do Momento". Maiara & Maraísa, Wesley Safadão, Gustavo Mioto também estão no projeto.

Lucas Lucco afirma que foi difícil para conciliar as agendas de todas as participações especiais. "Queria fazer festa grande. Tinha músicas que eu já via o camarada cantando. No caso de Safadão, por exemplo, o filho dele estava para nascer e ele, a princípio, negou o convite. Mas depois de duas semanas mudou de ideia", conta.

O cantor revela que são os desafios que movem o seu trabalho e, por conta disso, resolveu trazer ao público esse projeto grandioso. "São essas coisas que motivam a gente. Gosto de fazer mistura musical e isso acontece desde o comecinho. Minha trajetória começou a decolar, por exemplo, quando gravei 'Princesinha' com o Mr. Catra [1968-2018]. Mas o romântico não pode faltar, pois é uma marca."

Leia também

Feliz com toda a caminhada até aqui, Lucco faz um balanço de tudo o que já passou e diz que jamais se acomodará. "Fiz coisas que nunca imaginei que faria. Devo muito à internet e ao público. A gente grava DVD agora e como o consumo é rápido, já tem de fazer outro logo. E esse ano eu já gravarei mais um", finaliza.

Compartilhe



Mais no Gazeta Online