Marido de Caroline Bittencourt será indiciado por homicídio culposo

De acordo com a polícia, que informou que vai indiciar o empresário na noite desta segunda (6), o viúvo assumiu risco ao navegar com mau tempo

Publicado em 07/05/2019 às 10h17

Atualizado em 07/05/2019 às 10h18

Foto:Reprodução/Instagram @rustico_e_romantico

O empresário Jorge Sestini será indiciado pela Polícia Civil (PC) por homicídio culposo - quando não há a intenção de matar - pela morte da esposa, a modelo Caroline Bittencourt, na última semana. A informação é confirmada pelas autoridades, que alegam que o homem assumiu o risco ao decidir navegar mesmo com o mau tempo. 

Segundo informações do G1, o delegado Vanderlei Pagliarini decidiu pelo indiciamento após ouvir formalmente o dono da marina da qual o casal partiu na embarcação. O marinheiro que resgatou o empresário, segundo a reportagem, também foi ouvido. 

Leia também

De acordo com informações do inquérito, há indícios da conduta culposa de Jorge, que foi advertido sobre o mau tempo que poderia atingir Ilhabela, no litoral paulista, e região, mas mesmo assim decidiu não abandonar o passeio em alto mar. 

"Sabedor do mau tempo que assolava naquele momento a região, especialmente para quem se encontrava a bordo de embarcações de pequeno porte, expressamente advertido a esse respeito, resolveu por lançar-se ao mar, não providenciando ao menos que a vítima utilizasse um colete salva-vidas, como lhe competia, negligência indiscutível que remete aos fundamentos dos delitos culposos", comentou o delegado em trecho do ofício. 

Compartilhe



Mais no Gazeta Online