Notícia

AFA e seleção argentina são acusadas de contrabando

Delegação teria tentado entrar no país com computadores e instrumentos não declarados

Foram apreendidos instrumentos musicais e baús contendo computadores e brinquedos
Foram apreendidos instrumentos musicais e baús contendo computadores e brinquedos
Foto: Reprodução/Twitter

A Associação de Futebol Argentino (AFA) e a seleção local foram acusadas de contrabando pela Afip (Administração Federal de Ingressos Públicos), órgão responsável pelo controle tributário do país. Voltando dos EUA, onde jogou amistosos contra contra Guatemala e Colômbia, a delegação teve parte de suas bagagens apreendidas ao chegar no Aeroporto Internacional Ministro Pistarini de Ezeiza, em Buenos Aires.

Leia também

A Afip reteve 11 baús contendo equipamentos eletrônicos, brinquedos e instrumentos musicais estimados em 20 mil euros. A agência alegou que os equipamentos não foram declarados para a receita.

"A ata pertinente foi lavrada por infração do regime aduaneiro, e as mercadorias apreendidas aguardam a resolução do juiz pertinente", afirmou a Afip em seu site.

Por meio de nota, a AFA se defendeu, dizendo não haver nenhuma ilegalidade nos equipamentos detidos pela agência.

"Os itens que estão apreendidos na alfândega correspondem a equipamentos de análise de vídeo e máquinas utilizados para jogos e treinamentos. A Federação já apresentou todos os documentos regulatórios para que, nas próximas horas, possam retorna para a delegação", diz o pronunciamento, sem citar os instrumentos.

 

Ver comentários