Notícia

Defesas e críticas: organizadas do Fla se posicionam em 'caso Mickey'

Nação 12, Torcida Jovem Fla e Urubuzada tomaram partido após as declarações do diretor de relações externas Cacau Cotta pelo episódio da pichação no muro da Gávea

A declaração do diretor de relações externas, Cacau Cotta, repercutiu entre as torcidas organizadas do Flamengo, nesta quarta-feira. Entre críticas por parte de algumas agremiações e a defesa por parte de outras, o episódio ganhou novos capítulos. Até o momento desta publicação, a Nação 12 e a Urubuzada criticaram as falas do dirigente, enquanto a Jovem Fla diz ter entendido o contexto. Confira a repercussão.

- Nós sabemos escrever, Cacau Cotta! Respeite a torcida que sustenta o clube em que você trabalha, a única defesa que queremos é a redução nos preços absurdos dos ingressos. Devolvam o Flamengo do povo! - publicou a Nação 12.

- Entendemos o que o diretor Cacau Cotta quis dizer em entrevista e agradecemos a posição dele em não culpar as torcidas organizadas nesse ato contra o clube, ato esse totalmente político - declarou a Torcida Jovem Fla.

- Copa Mickey é o c***! É inaceitável não reconhecer os erros jogando culpa pra política e mais inaceitável ainda usar um torneio de pré-temporada como muleta pra um péssimo futebol apresentado. Por fim, respeite a Nação rubro-negra, o maior patrimônio do clube - disse a Urubuzada.