Notícia

Clássico Vi-Rio marcará a reinauguração da iluminação do Salvador Costa

Vitória e Rio Branco se enfrentam hoje, às 20h. Diretoria Alvianil prepara festa para estreia de novos refletores

Edu Capetinha e Ferrugem será o confronto de ataque e defesa do Vi-Rio de hoje
Edu Capetinha e Ferrugem será o confronto de ataque e defesa do Vi-Rio de hoje
Foto: Daniel Pasti/Rio Branco e Vitor Jubini

O tradicional confronto entre Vitória e Rio Branco é o mais antigo do futebol capixaba. O duelo tem 106 anos de história e isso já bastaria para todo encontro entre as duas equipes ser especial. Mas o clássico Vi-Rio que abre hoje a segunda rodada da Copa Espírito Santo, às 20 horas, promete ser mais importante ainda. Jogando em casa, o Alvianil de Bento Ferreira prepara uma grande festa para a reinauguração do sistema de iluminação do Estádio Salvador Costa.

Os dois times chegam para o confronto embalados pelo resultado positivo da primeira rodada, o Vitória bateu o Tupy por 2 a 0, gols de Vitinho e Thiago. O Brancão venceu o Linhares pelo mesmo placar, com Russo e Edu Capetinha indo às redes. Existe, porém, uma grande diferença entre as equipes.

>Sem dificuldade, Rio Branco vence Linhares na estreia da Copa ES

O Rio Branco iniciou a Copa Espírito Santo com bastante desconfiança após o desmanche da equipe e o ídolo Ronicley foi o principal nome da debandada. Sua renovação foi anunciada para o segundo semestre, mas o camisa 10 deixou a equipe após o amistoso contra o Vasco durante a Copa América. Já Edinho foi contratado com status de principal reforço para a competição, mas o craque ex-Desportiva acabou acertando sua ida justamente para o rival de hoje. Além dos jogadores, o treinador Erich Bomfim, antes confirmado para a Copa ES, foi contratado pela Desportiva, levando atletas como Adrien, Caetano e Petróleo com ele.

Já o Vitória teve seu elenco campeão da Copa ES de 2018 e do Capixabão deste ano mantidos, inclusive com renovações de contrato importantes. O volante Iury Pimentel, o zagueiro Ferrugem e o goleiro Harrison são alguns dos nomes de mais prestígio na equipe e que firmaram novo vínculo com a equipe. A principal novidade é a duração dos contratos: até 2021. Reforços importantes também foram contratados, como o atacante Chiquinho, campeão do Capixabão e da Copa ES de 2017 pelo Atlético Itapemirim.

ZAGA FORTE

Ferrugem é a base da sólida zaga alvianil
Ferrugem é a base da sólida zaga alvianil
Foto: Vitor Jubini

Referência da zaga alvianil, o capitão Ferrugem carrega a marca de estar presente em todos jogos do time no ano de 2019. O jogador espera um clássico complicado, mas quer manter a sequência invicta da equipe atuando no Salvador Costa na temporada:

“Acho que vai ser um grande jogo, já que o adversário também ganhou o primeiro jogo. Um clássico é sempre muito difícil, mas a gente está invicto em casa e espero manter essa invencibilidade aqui dentro”, destacou o atleta.

ESPERANÇA EM CAPETINHA

Edu Capetinha é a esperança do ataque do Brancão
Edu Capetinha é a esperança do ataque do Brancão
Foto: Daniel Pasti/Rio Branco

Um dos principais jogadores do Rio Branco do Capixabão, Edu Capetinha foi um dos que permaneceu na equipe para a Copa ES. O ponta é a principal arma ofensiva da equipe atualmente, ou seja, a esperança de gols e assistências do Brancão. O camisa 7, inclusive, marcou um na vitória em casa por 2 a 0 de sua equipe sobre o Linhares, na estreia da Copa ES, no último sábado.

O Rio Branco vai enfrentar o atual campeão Capixaba e da Copa ES. Mas, de acordo com Edu, o Brancão vai para o jogo pensando na vitória, mesmo fora de casa. “Jogar em casa com um elenco que se conhece bem é um ponto importante para eles, mas estamos preparados para conquistar os três pontos”, garantiu Edu.

OS NÚMEROS DO CLÁSSICO

Vitória e Rio Branco se enfrentaram pela Copa ES de 2016
Vitória e Rio Branco se enfrentaram pela Copa ES de 2016
Foto: Vitor Jubini

Na Copa ES, Rio Branco e Vitória possuem um certo equilíbrio nos confrontos. A equipe de Bento Ferreira já bateu o rival de hoje em uma final. Em 2009, as equipes decidiram a Copa Espírito Santo, e deu Vitória: venceu por 1 a 0 o primeiro jogo no Salvador Costa e perdeu o segundo por 2 a 1 no Kleber Andrade, sagrando-se campeão pelo número de gols marcados fora de casa.

Confira abaixo a lista de confrontos entre os times em Copas ES.

2004

Vitória 1x1 Rio Branco

Rio Branco 1x3 Vitória

2005

Rio Branco 2x1 Vitória

Vitória 2x3 Rio Branco

2006

Rio Branco 0x2 Vitória

Vitória 1x1 Rio Branco

2009

1ª fase

Rio Branco 2x1 Vitória

Rio Branco 2x0 Vitória

Final - Vitória campeão

Vitória 1x0 Rio Branco

Vitória 1x2 Rio Branco

2010

Vitória 2x0 Rio Branco

2016

Semifinais

Vitória 1x1 Rio Branco

Rio Branco 2x0 Vitória

Fonte: Brancopédia

Ver comentários