Notícia

Jogando bem, Internacional garante vitória segura frente ao Alianza Lima

Triunfo no Beira-Rio com dois gols de Nico López logo no início do primeiro tempo sacramentaram resultado que concretiza 100% de aproveitamento no Grupo A

Aplicando o estilo de jogo intenso e com grande envolvimento coletivo que foi um verdadeiro marco em 2018, o Internacional conseguiu um triunfo de suma importância frente ao Alianza Lima-PER na segunda rodada da Copa Libertadores. Recebendo os peruanos no estádio Beira-Rio, o Colorado ganhou por 2 a 0 com os dois tentos sendo marcados pelo atacante uruguaio Nico López, o grande nome do Colorado e, porque não, da partida.

Agora, o Colorado é líder isolado da chave com seis pontos ganhos enquanto o Alianza Lima, com somente um ponto e saldo de -2, ocupa a lanterna.

EXPLODE, BEIRA-RIO!

Focado e organizado, a equipe do Inter não demorou para demonstrar ao Alianza todo o seu poderio em casa. E, se aos dois minutos Iago ficou em condições de marcar e não o fez por boa defesa de Pedro Gallese, aos oito minutos Nico López foi muito bem para limpar a marcação e bater forte para abrir a contagem no Gigante.

SAAAAAAAALVA, LOMBA!

Não conseguindo furar a marcação do Colorado por baixo, foi começando a jogada pelo alto que o Alianza conseguiu levar perigo pela primeira vez. Aos 14 minutos, depois da bola ficar viva dentro da pequena área, Gonzalo Godoy bateu a queima roupa e Marcelo Lomba fez uma defesa sensacional evitando o empate dos peruanos.

A NOITE É DELE!

Aos 19 minutos, em lance bem semelhante ao primeiro tento, Nico López recebeu a bola perto da grande área e, depois de segurar bem a posse, bateu contando com um desvio no zagueiro adversário para colocar a bola no extremo canto esquerdo de Gallese.

PREOCUPA?

Aos 27 minutos, logo depois de tentar apertar a saída de bola do Alianza Lima, Patrick levou a mão a coxa e caiu no gramado do Beira-Rio. O meio-campista até tentou continuar em campo, mas precisou ser substituído três minutos depois para a entrada do jovem Nonato.

QUASE O TERCEIRO

Já na parte final da primeira etapa, Edenílson chegou muito bem a linha de fundo e, depois de cortar bem a marcação, cruzou na medida para Pottker que tentou tocar para as redes, mas apenas encostou nela e o goleiro do Alianza Lima fez a defesa.

"TANTO FAZ" NO BOM SENTIDO

Na frente do marcador e também bastante confortável em campo, o Inter demonstrava bastante propriedade tanto quando mantinha a posse de bola trocando passes com bastante paciência como também quando deixava com que o Alianza Lima saísse com a posse sem tanta eficiência.

BANHO-MARIA

Percebendo que não sofria qualquer tipo de pressão mediante a dificuldade que o oponente tinha de formular oportunidades de perigo contra seu gol, ficou evidente que o Inter optou por conduzir o duelo sem se desgastar em excesso.

Com direito a promover a entrada do experiente D'Alessandro no lugar de Pottker para dar um novo gás de criatividade ao meio-campo do Colorado, algo que motivou as chegadas de Rodrigo Dourado, de cabeça, e em chute de Sobis. Nas duas oportunidades, Pedro Gallese foi bem e fez intervenções seguras.

FICHA TÉCNICA
INTERNACIONAL 2 X 0 ALIANZA LIMA-PER

Local: Estádio do Beira-Rio, Porto Alegre (RS)
Data-Hora: 13/03/2019 - 21h30
Árbitro: Jesús Valenzuela (VEN)
Assistentes: Jorge Urrego e Lubin Torrealba (ambos VEN)
Cartões amarelos: Moledo, Cuesta (INT); Cartagena, Quevedo, Costa (ALI)
Cartões Vermelhos:
Gols: Nico López, 7 e 18’/1ºT (2-0)

INTERNACIONAL: Marcelo Lomba; Zeca, Rodrigo Moledo, Victor Cuesta e Iago; Rodrigo Dourado, Edenilson e Patrick (Nonato, aos 30'/1°T); Nico López, William Pottker (D'Alessandro, aos 19'/2°T) e Rafael Sobis (Pedro Lucas, aos 34'/2°T). Técnico: Odair Hellmann.

ALIANZA LIMA-PER: Pedro Gallese; Rodrigo Cuba, Hansell Riojas, Gonzalo Godoy e José Guidino; Wilder Cartagena e Tomás Costa; Kevin Quevedo (Felipe Rodríguez, aos 17'/2°T), Luis Ramírez (Joa Arroe, aos 32'/2°T) e José Manzaneda; Adrián Ugarriza. Técnico: Miguel Ángel Russo.