Notícia

Everton recusa oferta do Flamengo e deve viajar para São Paulo em breve

Meia-atacante pediu para não ser relacionado para o jogo de sábado, contra o Vitória, e está muito próximo de assinar contrato com o Tricolor pelas próximas três temporadas

As negociações entre São Paulo e Flamengo pelo meia-atacante Everton estão próximas de serem concluídas. Nesta sexta (13), o jogador treinou, pediu para não ser relacionado para a estreia do Rubro-negro no Campeonato Brasileiro e recusou a oferta de aumento salarial oferecida pelo clube carioca. A tendência é de que o atleta viaje para a capital paulista neste fim de semana para assinar contrato de três temporadas com o Tricolor do Morumbi.

A diretoria do Flamengo recebeu o contato dos paulistas e, para não perder o jogador, ofereceu um aumento salarial significativo e a ampliação do contrato que havia sido renovado no ano passado até dezembro de 2020. Everton agradeceu aos dirigentes do Mengão, mas entende que chegou o momento de buscar novos desafios na carreira e recusou a proposta.

Para o negócio ser concluído, o São Paulo necessita depositar a multa rescisória prevista em contrato, na casa dos R$ 17 milhões. O Tricolor ainda tenta incluir alguns jogadores de seu elenco na negociação, mas o Flamengo não demonstrou animação com os nomes oferecidos. Apesar do impasse, os dirigentes do clube do Morumbi farão o pagamento nos próximos dias.

Depois de ter pedido para não viajar com o restante do elenco para a Bahia, onde o Flamengo estreia no Brasileirão contra o Vitória, Everton arruma as malas e deve viajar para São Paulo neste fim de semana. O jogador, que renovou com o empresário Carlos Leite no meio desta semana, fará exames médicos no CT da Barra Funda e assinará contrato de três anos com o Tricolor, sendo o 9° reforço do clube para esta temporada.

Aos 29 anos, Everton já atuou em 245 partidas pelo Flamengo, em duas passagens (2009 e de 2014 até os dias atuais) e marcou 37 gols, sendo três neste ano. Em todas as passagens, o camisa 22 é titular absoluto do clube e foi campeão brasileiro em 2009 e do Campeonato Carioca em 2014 e 2017.