Notícia

Beach soccer em festa com as finais do Campeonato Metropolitano

No feminino, estarão em ação Rio Branco e São Pedro. E no masculino, jogam Rio Branco e CTM, de Anchieta

Raphael em ação pelo Centro de Treinamento Missão
Raphael em ação pelo Centro de Treinamento Missão
Foto: Peter Falcão/Pauta Livre

As grandes finais do Campeonato Metropolitano de Beach Soccer serão disputadas neste sábado (12), na Arena AERT, no Bairro de Fátima, na Serra. No feminino, às 10 horas, estarão em ação Rio Branco e São Pedro. E no masculino, às 11 horas, jogam Rio Branco e CTM, de Anchieta. As quatro equipes estão invictas.

O CTM (Centro de Treinamento Missão) chegou à grande final vencendo seus jogos com relativa facilidade. A partida mais difícil foi na estreia contra Juventude quando venceu por 2 a 0. Depois goleou Bom de Bola, de Aracruz, por 9 a 4 e UVV por 10 a 3.

“Nosso time tem conseguido atuar melhor coletivamente. E isso será fundamental contra o Rio Branco, que possui ótimos valores individuais e que atuam juntos há muito tempo. Se a coletividade funcionar, a potencialidade de cada um aparecerá”, destacou Raphael, do CTM.

O Rio Branco teve jogos bem mais complicados. Derrotou na estreia Meninos da Ilha por 4 a 3, venceu na segunda rodada a UFES por 5 a 3 e na terceira rodada o Geração/Doctum por 2 a 1 nas penalidades, após empate por 4 a 4 no tempo normal e 0 a 0 na prorrogação.

Léo defende as cores do Rio Branco
Léo defende as cores do Rio Branco
Foto: Peter Falcão/Pauta Livre

“Todos os jogos foram difíceis em nossa chave, mas conseguimos chegar à final. Esperamos outra batalha dura contra o CTM, mas tivemos tempo de nos preparar e estamos confiantes”, disse Léo, do Rio Branco.

Metropolitano feminino

Rio Branco e São Pedro mostraram nítida supremacia sobre seus adversários na fase de classificação. São Pedro iniciou sua jornada vencendo Capixaba por 8 a 1, depois goleou Vila Velhense por 7 a 2 e na terceira partida também goleou o Inter por 6 a 2.

No São Pedro, segundo o técnico João Luiz Bernardes, a expectativa é grande em relação à presença da Denyslane, uma das melhores jogadoras do país, que, devido às atividades profissionais, ainda não atuou na competição. “É uma final sem favoritismo. Quem comparecer assistirá a um jogo histórico e de alto nível”.

O Rio Branco iniciou o campeonato goleando por 4 a 0 as Galáticas, depois venceu CTM por 3 a 1 no melhor jogo do Metropolitano feminino até agora e goleou CTVV por 9 a 0 na terceira rodada.

O técnico Nicolas Rocha espera também uma partida equilibrada. “Estamos subindo a cada jogo de produção. Espero que consigamos colocar em prática tudo o que treinamos durante a semana”, disse.

Ver comentários