Notícia

Desaparecido há um ano, cachorro é encontrado a 110 km de casa

Mulher que encontrou animal disse que ele tinha um chip, mas informações estavam desatualizadas

O cão Ratchet, encontrado por Esther Atkins em Greenville, nos Estados Unidos.
O cão Ratchet, encontrado por Esther Atkins em Greenville, nos Estados Unidos.
Foto: Instagram de Esther Atkins/Reprodução

Após cerca de um dado como desaparecido, um cão chamado Ratchet pôde reencontrar sua família, que achava que estivesse morto, nos Estados Unidos.

A história começou quando Esther Atkins, moradora da região de Greenville, encontrou Ratchet brincando em uma poça de lama quando passeava com sua cadela, Grace, que, segundo ela, não foi tão receptiva com o 'intruso'. Mesmo assim, ele as seguiu até a volta para casa.

Esther decidiu levar o cachorro a um veterinário, e descobriu que ele possuía um chip, mas as informações contidas nele estavam desatualizadas.

Então, contou com apoio de uma instituição chamada Humane Society of Greenwood, que contatou os donos por Facebook, para que o reencontro pudesse ser organizado.

O cão estava desaparecido há cerca de um ano, e um vizinho de seus antigos donos havia afirmado que teria matado o pet. Mesmo imaginando que o animal estivesse morto, eles ainda haviam registrado-o como desaparecido.

O lar de Ratchet ficava a cerca de 109 quilômetros de onde foi encontrado por Esther, que mostrou a mensagem que recebeu de sua dona após ter lhe enviado fotos do cachorro.

"Meu Deus. É ele. Isso é tão maravilhoso. Ele sempre foi o melhor companheiro de caminhadas. Minha filha começou a chorar quando viu as fotos. Você realmente não sabe o quanto isso significa para meus filhos e eu."

Ver comentários