Notícia

Barragem de Brumadinho foi alvo de fiscalização em dezembro de 2016

Durante a visita, os agentes discutiram a segurança dessas estruturas, de acordo com a Agência Nacional de Mineração (ANM)

Barragem da Vale se rompe em Brumadinho, na Grande BH, em Minas Gerais
Barragem da Vale se rompe em Brumadinho, na Grande BH, em Minas Gerais
Foto: Alan Silva Gomes

A barragem de Brumadinho foi alvo de uma “diligência” por uma série de especialistas em segurança de barragem, em dezembro de 2016. Durante a visita à “barragem de rejeitos B6”, do complexo Paraopeba, da Mineradora Vale, na mina Córrego do Feijão, em Minas Gerais, os agentes “discutiram e colocaram em prática importantes questões relacionadas a gestão da segurança de barragens debatidas durante as aulas”, segundo informações divulgadas à época pelo Departamento Nacional de Pesquisa Mineral (DNPM), hoje convertido na Agência Nacional de Mineração (ANM).

Leia também

O evento fazia parte de uma extensa agenda de um curso sobre segurança de barragens em Minas Gerais. A diretoria de fiscalização da AMN realizava, durante quatro dias, palestras sobre “Segurança de Barragens de Mineração” na Superintendência do Estado de Minas Gerais, em Belo Horizonte, ministrado pelo Professor Waldyr Lopes Oliveira Filho, do Departamento de Mineração da Universidade Federal de Ouro Preto.

Participaram da ação 17 agentes do DNPM de 12 Superintendências, além de 14 agentes especializados em geotecnia de cinco superintendências regionais da Companhia de Pesquisa de Recursos Minerais (CPRM). O curso abordou assuntos como mineração e riscos ambientais associados, sistemas de deposição de rejeitos de mineração, noções de projetos de barragens e rupturas de barragens de rejeitos, entre outros.

Ver comentários