Notícia

Motorista demitido se acorrenta em portão e impede saída de ônibus

O motorista, identificado como Marcos, alega que trabalhou há 13 anos na Sanremo e que foi demitido sem justa causa

Motorista demitido se acorrentou no portão da Sanremo
Motorista demitido se acorrentou no portão da Sanremo
Foto: Diony Silva

 

Um protesto na porta da Viação Sanremo, em Vila Velha, impede a saída de ônibus que circulam pelo município. Um motorista da empresa, que foi demitido nesta quarta (08), se acorrentou ao portão onde os coletivos passam.

O motorista, identificado como Marcos, alega que trabalhou por 13 anos na empresa e que foi demitido sem justa causa. "Creio que fui demitido porque faço oposição ao Sindicato dos Rodoviários. Só saio daqui quando o presidente (Edson Bastos) chegar na empresa", afirmou o manifestante.

Ônibus do Transcol parados na Lindenberg

Apesar de o protesto impedir a saída de ônibus da Sanremo, a reportagem da TV Gazeta flagrou coletivos do Transcol parados na Avenida Carlos Lindenberg. Já a Ceturb-GV informou que não há paralisação dos ônibus por parte do Transcol.

A Ceturb-GV também informa que as linhas do Transcol, que passam perto da entrada da garagem da Sanremo, estão sendo orientadas a utilizar itinerários alternativos até que os manifestantes liberem as pistas interditadas.

Sanremo

O gerente de operações da Sanremo, Edmilson Domingos, está no local em negociação com o motorista junto com a polícia.  

Protesto na Lindenberg

Um outro protesto aconteceu na Lindenberg, mas com o objetivo contrário. Um rodoviário identificado como Pedro diz que os trabalhadores foram para a avenida contra a manifestação do rodoviário que se acorrentou. "Nossa intenção é trabalhar. Encontramos a situação desse rapaz logo cedo no portão, mas esse não é o caminho", disse Pedro.

O protesto na Lindenberg foi encerrado por volta das 7h20, com a saída de manifestantes e a retirada dos ônibus do local. No entanto, alguns ônibus que passam pela região estão com a placa de "garagem".

Sesp

Em nota, a Secretaria de Segurança informou que a polícia está acompanhando o protesto e em processo de negociação com o motorista que se acorrentou ao portão.

Mais informações em instantes

Ver comentários