Notícia

Que fim levou a cédula de R$ 10 feita de plástico?

Criadas para comemorar os 500 anos do descobrimento do Brasil, a cédula hoje pode valer até 13 vezes mais

Frente da cédula de R$ 10 de plástico
Frente da cédula de R$ 10 de plástico
Foto: Divulgação | Banco Central

As cédulas de Real sofreram muitas mudanças ao longo dos mais de 20 anos de existência. A mais dramática delas foi, sem dúvidas, a cédula de R$ 10 que, diferente das demais, era feita de plástico. O primeiro lote, com 250 milhões delas, foi impresso no ano 2000. Mas onde será que elas foram parar?

As cédulas de R$ 10 de plástico foram lançadas no dia 24 de abril do ano 2000 em comemoração aos 500 anos do descobrimento do Brasil. Ela foi desenhada para ter diversas referências à data comemorativa como uma imagem de Pedro Álvares Cabral, o mapa "Terra Brasilis", uma das primeiras representações da nova terra; um trecho da carta de Pero Vaz de Caminha; e uma rosa dos ventos, instrumento de navegação extraído da cartografia portuguesa do século XVI.

Leia também

Todas essas gravuras ainda dividem espaço com as 12 marcas de segurança. Na verdade, foi a promessa de uma nota mais segura e durável que fez com que o Banco Central optasse pela versão de plástico, fabricada por uma empresa australiana. No entanto, o Banco Central começou a tirar de circulação as cédulas de polímero em 2006. Segundo o órgão, a retirada já era programada, visto que se tratava de uma edição comemorativa. 

Mesmo que não tenha mais sido fabricada, as que não chegaram até o Banco Central continuam por aí. De acordo com o órgão, ainda há 3.577.976 delas em circulação atualmente no Brasil. O número é bem menor do que as notas de R$ 1, que também pararam de ser fabricadas mas ainda restam 148.839.251 unidades no mercado.

Mais de dez anos depois, as notas de R$ 10 de polímero hoje valem muito mais do que o valor estampado nelas. Para colecionadores, uma cédula dessas pode custar até R$ 135 reais, dependendo do estado de conservação.

Verso da cédula de R$ 10 de plástico
Verso da cédula de R$ 10 de plástico
Foto: Divulgação | Banco Central

PARTICIPE!

Você se lembra de alguma notícia veiculada no passado aqui no Gazeta Online e gostaria de saber 'que fim levou'? Envie sua sugestão para [email protected]

Ver comentários