Notícia

Médico se revolta e causa quebra-quebra em unidade de saúde de Cariacica

Sem sala para atender, ele quebrou gavetas, cadeiras e lixeiras no local. Pacientes estão sem atendimento

Pacientes com consulta marcada ficaram sem atendimento na Unidade Saúde de Jardim América, em Cariacica, depois que o médico Aurédio José do Couto, revoltado com a falta de condições de trabalho, jogou gavetas no chão e derrubou prateleiras e documentos nas instalações do local na manhã desta terça-feira (15).

Vídeo e fotos feitas por um paciente que aguardava atendimento no local mostram gavetas destruídas e prontuários médicos completamente bagunçados. Por conta da confusão o atendimento ficou paralisado por pelo menos 30 minutos, mas já voltou ao normal. 

VEJA GALERIA DE FOTOS

O operador de máquina Juscelino Boecker, de 39 anos, era um dos pacientes que aguardava atendimento no local e presenciou a confusão.  Ele tinha uma consulta marcada para as 7h30, para dar andamento ao pedido de realização de uma cirurgia, e cerca de uma hora depois do horário marcado ainda não havia sido atendido.

"Ele (médico) chegou agitado aqui de manhã e logo começou a reclamar com os colegas que não tinha sala para ele trabalhar, para atender os pacientes. Foi lá para dentro, quebrou cadeiras e lixeira em uma sala e depois veio aqui para o corredor, entrou na recepção e quebrou tudo. Ele ficou revoltado com a falta de condições de trabalho, jogou tudo no chão, quebrou gaveta, uma confusão", contou o paciente.

O pintor Clóvis Dias, 60 anos, também viu a confusão começar: "Eu tava lá dentro e de repente ele chegou perguntou o pessoal onde ele ia atender e aí ele começou a conversar lá dentro e alguém respondeu "se vira aí". Aí ele começou a falar que toda vez que vem aqui não tem onde atender, que ele já atendeu até na cozinha por que não tinha lugar. E foi aí que ele começou a quebrar as coisas".

VÍDEO MOSTRA REVOLTA DO MÉDICO

SALA EM REFORMA

Por nota, a Secretaria Municipal de Saúde informou que a unidade de saúde de Jardim América passa por uma reforma para receber um centro de reabilitação. "Por conta disso, o médico foi orientado a realizar o atendimento em uma sala diferente da que ele costuma usar. Com isso, o médico ficou um pouco nervoso e quebrou quatro cadeiras plásticas e duas gavetas do armário. O atendimento foi normalizado ainda na manhã desta terça", diz a nota.

Informado sobre a confusão, Josemir Joaquim da Silva, Subsecretário Administrativo de Saúde de Cariacica, foi até o local verificar o problema e conversar com o médico envolvido na confusão. De acordo com o subsecretário, a Unidade de Saúde de Jardim América está com uma sala em reforma.

Leia também

"Ele (médico) disse que queria uma sala para trabalhar, e pelo que nos foi passado uma sala estava ocupada e outra sala está em reforma, com problema. Viemos averiguar qual o problema dessa sala, para gente tomar uma medida, para consertar e ele voltar a trabalhar", afirmou.

'MÉDICO VAI PAGAR POR OBJETOS QUEBRADOS'

Ainda segundo o subsecretário, o médico Aurédio José do Couto não será punido e já se ofereceu para pagar os objetos que quebrou.

"De forma alguma ele será preso, não agrediu ninguém. Nós vamos voltar a conversar com ele para ver que medida podemos tomar. Sempre foi um profissional excepcional, sempre dedicado ao nosso município. Ele está mais tranquilo, pedimos para ele ir para casa descansar e depois ele vai retornar a trabalhar. Nós vamos fazer o levantamento do que foi destruído. Ele já se colocou a disposição para pagar", concluiu.

 

 

Ver comentários