Notícia

Eleição em sindicato pode provocar atrasos em ônibus nesta sexta-feira

A Chapa 3 ameaça "segurar" os rodoviários dentro das garagens até que eles tenham votado

Ônibus do sistema Transcol
Ônibus do sistema Transcol
Foto: Bernardo Coutinho

A eleição da nova direção do Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários no Estado do Espírito Santo (Sindirodoviários), que começa as 4h desta sexta-feira (13), pode provocar atrasos na saída dos coletivos das garagens. A Chapa 3 ameaça “segurar” os rodoviários dentro das garagens até que eles tenham votado.

Segundo o coordenador de campanha da Chapa 3, Lúcio Lima, há o receio de que não haja tempo hábil entre a hora de chegada do trabalhador na garagem e a hora de saída para o terminal. "É um processo demorado, os mesários são da própria categoria, as listas são longas. Não vai dar tempo de eles votarem e ainda cumprirem o horário", diz.

Lúcio diz que ficou deliberado em reunião da chapa que, caso os trabalhadores não tenham tempo de participar da eleição, eles vão bloquear a saída até que todos tenham votado.

Para a advogada da comissão eleitoral do Sindirodoviários, Ana Maria Nogueira Lopes, o objetivo da ação da Chapa 3 é provocar tumulto no dia da eleição.

Leia também

“Eles queriam que as urnas fossem colocadas dentro dos terminais. Mas ficou acordado que elas seriam colocadas nas garagens das empresas para garantir a segurança dos passageiros. Eles não se conformam”, afirma a advogada.

Segundo Ana Maria, o Sindicato já alertou a Polícia Militar e a Secretaria de Segurança Pública das intenções da Chapa 3. “Uma eleição do porte do Sindirodoviário sempre pode ter algum problema”, disse.

PROTESTO

A Chapa 3, batizada de “Direção Certa CUT”, foi responsável por um protesto que interditou o trânsito no Centro de Vitória na manhã desta quinta-feira (12). O bloqueio começou por volta das 7h e foi encerrado às 8h30 após intervenção de policiais da Companhia Independente de Missões Especiais (Cimesp).

De acordo com o presidente da comissão eleitoral do Sindirodoviários, Roberto Argolo, a Chapa 3 vai disputar a eleição com apenas 17 componentes. Quatro pessoas que compunham a chapa foram impugnados, dois conseguiram na Justiça o direito de disputar a eleição, mas outros dois estão proibidos de participar do processo eleitoral.

No entanto, segundo o coordenador de campanha da chapa, houve apenas duas impugnações, que foram revertidas na Justiça.

O vencedor da eleição será responsável por representar cerca de 10 mil rodoviários capixabas. A votação acontece das 4h às 18 horas de hoje, e elegerá o presidente do sindicato até 2023.

Ver comentários