Notícia

Amigos e surfistas fazem homenagem para capixaba morto por tubarão

Família recebeu de presente a escultura de uma praia com a seguinte frase "Arthur Gava Médici. Nosso eterno bodyboarder"

Amigos e surfistas prestam homenagem para Arthur Medici em Vila Velha
Amigos e surfistas prestam homenagem para Arthur Medici em Vila Velha
Foto: Eduardo Dias

Amigos e familiares do estudante capixaba Arthur Medici, morto após um ataque de tubarão nos Estados Unidos, se reuniram para prestar uma homenagem ao jovem na tarde deste domingo (23). O ato aconteceu na Praia de Itaparica, em Vila Velha, local que Arthur frequentava para surfar quando estava no Espírito Santo.

A cerimônia começou com círculo de pessoas na areia, onde amigos e familiares de Arthur fizeram uma oração. As homenagens também aconteceram na água, com um grande círculo formado por surfistas e bodyboards.

> Namorada velou corpo na data em que seria pedida em casamento

O pai, Itamar Medici, e o irmão de Arthur falaram durante a cerimônia e agradeceram pela homenagem. Os dois também participaram da homenagem dentro do mar. A mãe de Arthur, Denise Gava também esteve presente e , muito emocionada, chorou durante toda a cerimônia. 

"O mínimo que eu poderia fazer é prestar essa homenagem ao meu filho. Essa galera maravilhosa, esses jovens... Quero transmitir uma mensagem para eles, que eles sigam o exemplo do meu filho. Eu vou fazer a vontade que o meu filho tanto quis para minha vida, vou cuidar de mim. Quero agradecer o apoio de todos, do mundo todo. Meu muito obrigado", afirmou o pai, bastante emocionado.

Os organizadores do evento também presentearam a família de Arthur com a escultura de uma praia. O presente tinha a frase: " Arthur Gava Médici. Nosso eterno bodyboarder".

SEPULTAMENTO ACONTECEU NO SÁBADO

O corpo de Arthur foi sepultado na manhã deste sábado (22), no centro de Vila Velha, na presença de familiares e amigos. O corpo do capixaba chegou ao Espírito Santo na tarde desta sexta-feira (21), transportado por um helicóptero do Governo do Estado

Arthur morava nos EUA há quatro anos. No último dia 15 de setembro, ele surfava na praia quando acabou atacado por um tubarão. O jovem, que planejava se casar em 2019, chegou a ser socorrido e levado para um hospital, mas não resistiu.

Ver comentários